PUBLICIDADE
Topo

UOL Confere

Uma iniciativa do UOL para checagem e esclarecimento de fatos


É falso que Lewis Hamilton tenha elogiado Bolsonaro para o New York Times

16.nov.2021 - Post inventa suposta declaração de apoio a Bolsonaro feita por Lewis Hamilton - Arte/UOL sobre Reprodução/Twitter @jac_bolsonaro
16.nov.2021 - Post inventa suposta declaração de apoio a Bolsonaro feita por Lewis Hamilton Imagem: Arte/UOL sobre Reprodução/Twitter @jac_bolsonaro

Leticia Mutchnik

Do UOL, em São Paulo

16/11/2021 16h20Atualizada em 16/11/2021 16h39

É falso que o piloto britânico de Fórmula 1 Lewis Hamilton tenha elogiado o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em entrevista ao jornal americano The New York Times, como dizem posts com centenas de compartilhamentos no Twitter e no Facebook. As publicações checadas foram feitas depois da vitória de Hamilton no Grande Prêmio de São Paulo, no domingo (14).

Não há qualquer registro de que a frase "Sempre disputei corridas no Brasil e nunca vi o povo tão feliz quanto no governo Bolsonaro", atribuída nos posts a Hamilton, tenha sido dita pelo piloto, nem que tenha sido publicada pelo New York Times.

Uma pesquisa pelos termos "Lewis Hamilton" e "Bolsonaro" nas reportagens do New York Times não mostrou nenhum resultado que coincida com o que está nos posts falsos. A última matéria do jornal americano que cita o piloto saiu no dia 29 de outubro, e fala dos preparativos para o Grande Prêmio de Miami em 2022. Não há reportagens do New York Times sobre a corrida em São Paulo.

Os posts com a frase inventada também dizem que a declaração atribuída a Hamilton foi feita em frente ao governador de São Paulo, João Doria (PSDB), possível adversário de Bolsonaro nas eleições para presidente em 2022. Entre 2019 e 2020, os dois políticos travaram uma disputa pelo local da etapa brasileira da Fórmula 1 — Doria queria manter a corrida em São Paulo, enquanto Bolsonaro tentava levar o evento para o Rio.

Além de não haver qualquer registro de um suposto apoio de Hamilton ao presidente brasileiro, o piloto já se posicionou publicamente de forma crítica ao governo Bolsonaro. Em maio, Hamilton postou em seu Instagram um vídeo de um protesto contra Bolsonaro em São Paulo com a legenda: "Meu coração está com você, Brasil".

Também é falso que, após a vitória no Brasil, o piloto tenha homenageado o presidente, como sugere vídeo publicado no TikTok. O post mostra Hamilton com a bandeira do Brasil, no pódio de Interlagos com a frase: "Hamilton, melhor piloto de Fórmula 1, faz homenagem ao presidente Bolsonaro". O vídeo, que não mostra qualquer homenagem a Bolsonaro, teve mais de 2.500 compartilhamentos e 300 mil visualizações.

Não é a primeira vez que páginas bolsonaristas atribuem falas mentirosas de apoio ao presidente a atletas estrangeiros. Há cerca de duas semanas, o projeto Comprova, do qual o UOL faz parte, mostrou serem inventadas as supostas declarações dos jogadores Mohamed Salah, do Liverpool, e Ciro Immobile, da Lazio, enaltecendo Bolsonaro.

O post com a falsa declaração de Hamilton também foi checado por Estadão Verifica, Boatos.org e Lupa.

O UOL Confere é uma iniciativa do UOL para combater e esclarecer as notícias falsas na internet. Se você desconfia de uma notícia ou mensagem que recebeu, envie para uolconfere@uol.com.br.