Mulher acha conta de IPVA com dinheiro e faz o pagamento no interior de SP

Eduardo Schiavoni

Colaboração para o UOL, em Ribeirão Preto (SP)

  • Reprodução/Facebook

    A comerciante Rosangela Aparecida Borges ainda não pagou o seu próprio IPVA, por falta de dinheiro

    A comerciante Rosangela Aparecida Borges ainda não pagou o seu próprio IPVA, por falta de dinheiro

Uma faxineira de Jaboticabal, no interior de São Paulo, perdeu o boleto de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) de sua motocicleta e, dentro do envelope, R$ 115 que utilizaria para fazer o pagamento. Uma comerciante encontrou o documento e realizou o pagamento, no valor de R$ 113.

Depois, fez uma postagem nas redes sociais para avisar a dona da conta e entregou a ela o troco, de R$ 2. 

A faxineira Leandra Aparecida de Souza, mãe de três filhas, contou que saiu de casa, no dia 10 de janeiro, com o dinheiro dentro da carta do IPVA, mas perdeu no caminho ao banco.

"Eu saí para o meu serviço e coloquei a conta na cintura, para pagar depois, mas acabou caindo o IPVA com o dinheiro dentro. Só percebi quando cheguei ao trabalho e fui conferir. Fiquei desesperada", disse.

"O dinheiro era contadinho para pagar o IPVA da minha moto. Nem sei o que faria se ela não tivesse feito essa boa ação", conta.

Dona de uma pequena loja de ferramentas "que só está aberta pela misericórdia de Deus", a comerciante Rosangela Aparecida Borges conta que ainda não pagou o seu próprio IPVA, por falta de dinheiro.

"Como muitos brasileiros, estou vivendo um momento difícil financeiramente", disse.

Ela conta que achou o documento com o dinheiro ao sair, durante uma pausa no trabalho, para pagar uma conta na lotérica e, mesmo com toda a dificuldade, não pensou duas vezes antes de pagar o IPVA.

"Imaginei que o dono da moto precisava pagar o IPVA e resolvi fazer o pagamento", conta ela.

Como sobrou um troco de R$ 2, ela resolveu postar a imagem do comprovante de pagamento nas redes sociais de forma a avisar a dona do imposto que o pagamento tinha sido feito e que o troco estava com ela.

E não imaginou que o assunto fosse ter tanta repercussão. "Não fiz nada demais, o dinheiro não era meu. O único favor que fiz foi pegar a fila e pagar, mas isso eu já ia fazer mesmo", disse.

"Talvez seja a inversão de valores que cause essa surpresa toda", afirmou.

Encontro

As postagens de Rosangela nas redes sociais funcionaram e, três dias depois, ela conseguiu localizar Leandra. As duas se encontraram e ela devolveu o troco à dona, além recomendar a ela mais cuidado com as contas.

"Foi recompensador vê-la sorrindo, chorando de alegria e agradecendo a Deus. O bem faz bem para quem faz e para quem recebe. Sou muito agradecida a Deus por isso", disse.

Leandra também se emocionou. "Não tenho nem palavras para agradecer. Acho que ganhei uma amiga", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos