PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Mulher é libertada após ser mantida refém por 5 dias na zona oeste do Rio

Policiais libertaram mulher que foi feita refém durante cinco dias no Rio de Janeiro - Divulgação/PMERJ
Policiais libertaram mulher que foi feita refém durante cinco dias no Rio de Janeiro Imagem: Divulgação/PMERJ

Felipe Munhoz

Colaboração para o UOL, em Lençóis (BA)

21/11/2020 11h13

Uma mulher foi libertada na madrugada de hoje depois de ser mantida como refém por um homem durante cinco dias na comunidade de Vila Vintém, em Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro. De acordo com informações da Polícia Militar, a própria vítima conseguiu entrar em contato e pedir ajuda para os policiais.

Ainda segundo a PM, equipes do 14° Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Bangu e do 41° BPM de Irajá realizaram uma ação que culminou no resgate da vítima, que estava em uma residência na rua General Gomes de Castro. A mulher trocou mensagens com os policiais pelo WhatsApp para passar as informações e a localização exata.

A PM informou que o suspeito foi preso no local. As identidades da vítima e do homem não foram reveladas. A ocorrência foi registrada na 35ª Delegacia de Polícia, em Campo Grande.

A Polícia Civil afirmou que o suspeito tentou extorquir a vítima por meio do sequestro, além de agredir a mulher. A reportagem apurou que a polícia ainda tenta confirmar algumas informações que não estão esclarecidas, por isso, trata como ocorrência em andamento.

Uma linha da investigação policial trabalha com a hipótese de que os envolvidos no caso mantinham um relacionamento e, até então, não havia nenhuma violência registrada pela vítima contra o suspeito. Já se sabe que ela não detinha nenhuma medida protetiva baseada na Lei Maria da Penha.

Cotidiano