PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
3 meses

'Cracolândia': PM dispersa usuários de drogas com bombas em SP; veja

Do UOL, em São Paulo

08/05/2022 20h38Atualizada em 09/05/2022 10h20

Vídeos que circulam nas redes sociais neste domingo (8) mostram policiais militares dispersando usuários de droga na praça Princesa Isabel, no centro de São Paulo. Desde março, o local abriga a "cracolândia", ponto de tráfico e consumo de drogas na região central da capital paulista

As imagens foram divulgadas pelo padre Julio Lancelotti, da Pastoral do Povo da Rua, e exibem dezenas de pessoas correndo e circulando entre carros na avenida Rio Branco. É possível ouvir o barulho e ver a fumaça de uma bomba.

Procurada pelo UOL, a Secretaria estadual de Segurança Pública enviou nota na manhã de segunda (9) dizendo que "a Polícia Militar foi acionada por volta das 14h40 deste domingo (08) para auxiliar na dispersão das pessoas na Praça Princesa Isabel, no centro de São Paulo, para que fosse realizada a limpeza do local por agentes municipais. Não houve feridos e detidos durante a ação."

Prefeitura pôs grades na praça

Em 18 de abril, a Prefeitura de São Paulo instalou grades para isolar os usuários de drogas da praça Princesa Isabel. O objetivo, segundo a gestão Ricardo Nunes (MDB), é separar os dependentes químicos e pessoas em situação de rua dos moradores e trabalhadores de zeladoria que fazem a revitalização do local.

Na manhã de quinta-feira (5), a GCM (Guarda Civil Municipal) e a Polícia Militar fecharam ruas no entorno da praça. De acordo com relatos, houve confronto entre guardas civis e usuários de drogas.

O governador de São Paulo e pré-candidato à reeleição, Rodrigo Garcia (PSDB), disse na sabatina UOL/Folha, na quinta (4), que não adianta tratar a 'cracolândia' apenas com "medidas de força", como ações policiais e internações involuntárias.

'Cracolândia': veja as propostas de pré-candidatos ao governo de SP

Cotidiano