Topo

Conteúdo publicado há
11 meses

Banca funcionava como bar clandestino e ponto de consumo de drogas no RJ

Em vez de jornais e revistas, banca tinha mesas, cadeiras, bebidas, chopeira, geladeira e churrasqueira - Divulgação/Prefeitura
Em vez de jornais e revistas, banca tinha mesas, cadeiras, bebidas, chopeira, geladeira e churrasqueira Imagem: Divulgação/Prefeitura

Colaboração para o UOL, em São Paulo

29/06/2023 20h06

Uma banca de jornal localizada no bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro, que estava fechada há seis meses, funcionava como bar clandestino e ponto de consumo de drogas.

O que aconteceu

A subprefeitura da Zona Sul e a Secretaria de Ordem Pública realizavam uma operação na região quando se depararam com a situação inusitada na noite de quarta-feira.

A ação tinha como objetivo identificar bancas abandonadas para desobstruir o espaço público, mas os agentes encontraram algo semelhante a um bar clandestino funcionando em uma delas.

Em vez de jornais e revistas, o espaço tinha mesas, cadeiras, bebidas, chopeira, geladeira e churrasqueira.

A banca de jornal foi removida pelas equipes da prefeitura e encaminhada ao depósito público da cidade.

Em entrevista ao jornal O Globo, o Secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale, afirmou que a banca servia como ponto de consumo de drogas e representava insegurança para os moradores da região.