Conteúdo publicado há 8 meses

Aparelho de ginástica cai em aluno em academia no CE e causa dano na medula

O motorista de aplicativo Regilaneo da Silva Inácio, 42, foi atingido nas costas por um aparelho de musculação que se desprendeu na academia e terá que passar por uma cirurgia. O caso aconteceu ontem (4) em Juazeiro do Norte, no Ceará.

O que aconteceu?

As imagens do acidente mostram Inácio aguardando para usar o equipamento. Ele senta na parte de baixo do aparelho quando a parte de cima despenca e cai, com peso das anilhas, sobre os seus ombros.

Alunos da academia correm para socorrê-lo, e ele se deita no chão.

No vídeo é possível ver o momento exato em que o equipamento de musculação desaba nos ombros de Inácio.

Segundo testemunhas, o aparelho tinha no momento cerca de 150 kg e estava destravado.

Ele está internado no hospital Santo Antonio, em Barbalha (CE).

Lesão é considerada gravíssima

O médico neurocirurgião José Correia Junior, que vai operar Inácio, disse que o paciente passa por uma avaliação pré-operatória e que a lesão é considerada gravíssima.

A lesão mais complexa atingiu a medula. Ligamentos que fazem a comunicação com o cérebro foram danificados de maneira considerável.

Continua após a publicidade

"A chance é, estatisticamente, de menos de 1% do retorno de funções motores e sensitivas", disse o médico.

Família está devastada, diz irmã

Ao UOL, a irmã de Inácio, Maria das Dores da Silva Inácio, 48, disse que a família está devastada.

Segundo Maria das Dores, a academia está prestando total suporte para família. "Em nenhum momento negligenciaram atendimento, trouxeram ele até o hospital e estão nos ajudando", afirmou.

Ele teve um traumatismo na medula. Ela ficou destruída com o impacto. O médico falou para família que as chances dele voltar a andar é de menos 1% [...] É muita tristeza. Estamos arrasados, devastados, com a possibilidade de ele não voltar andar.
Maria das Dores da Silva Inácio, irmã do aluno

Academia diz que equipamento estava em perfeito estado

A academia afirmou que o episódio foi um acidente e que o aparelho em questão se encontrava em perfeito estado de funcionamento.

Continua após a publicidade

A empresa afirmou que está prestando assistência ao aluno.

Em nota, a academia 220 FIT disse que a máquina foi adquirida há menos de 60 dias. "Salientamos que, são efetuadas manutenções periódicas em todos os maquinários."

Deixe seu comentário

Só para assinantes