Conteúdo publicado há 2 meses

Mãe resgatada em enchente no RJ reencontra jovem que a salvou: 'Meu anjo'

A mulher resgatada com as duas filhas de dentro de um carro em meio a uma enchente em Nova Iguaçu (RJ) reencontrou o jovem que salvou a família. O auxiliar de logística Marcos Vinícius de Souza, 20, publicou o encontro nas redes sociais.

O que aconteceu

Marcos publicou um vídeo ao lado de Berlandia Mendes, a mãe resgatada. "Olha aí, pessoal, com quem estou?", brincou o rapaz. "Um reencontro que enche meu peito de emoção. Estou muito grato de ter a oportunidade de rever essa família com saúde e segura", acrescentou.

No vídeo, Berlandia agradece a Marcos pela atitude. "Esse é o meu anjo, que salvou a minha vida. Deus enviou ele para salvar a minha vida e a vida das minhas filhas", afirmou. O pai das crianças e marido de Berlandia, Jorge Leandro Mendes, também aparece no registro publicado nas redes sociais. "Ganhei mais um filho, e ele, mais irmãs", contou.

A família diz que as crianças estão bem após o episódio. Chuva forte caiu na noite de quarta-feira (21) no Rio de Janeiro.

O resgate

A mulher estava com as filhas gêmeas, de um ano, no veículo, quando foi surpreendida com uma enxurrada, na noite de ontem. Marcos, que estava dentro de um ônibus, viu a cena e conseguiu resgatar as três. O veículo foi levado pela força das águas segundos após o resgate.

Nas imagens, é possível ver que Marcos apoia as pernas na escada do ônibus e na traseira do veículo. Ele consegue transferir a família do carro para o ônibus. O resgate, que durou alguns minutos, foi registrado em vídeo por outros passageiros.

Continua após a publicidade

A família de Marcos também foi afetada pelas fortes chuvas. Após resgatar mãe e filhas, Marcos precisou ajudar os familiares que tiveram as casas inundadas. Seu pai e sua tia perderam diversos móveis.

Marcos abriu uma vaquinha para ajudar a família. A meta estabelecida por Marcos Vinicius, de R$ 30 mil, já foi ultrapassada em quase R$ 13 mil. Mais de 1500 pessoas já doaram. "Minha casa, da minha tia e dos meus sobrinhos. A de todos alagou. A rua está empesteada de lama, não dá para passar. E sempre assim, todo começo de ano", disse ele em entrevista ao Bom Dia Rio, da TV Globo.

Chuvas deixam mortes

Pelo menos sete pessoas morreram por causa das chuvas no RJ. Uma ainda está desaparecida.

O tempo no Rio de Janeiro segue instável nesta quinta-feira (22). Há previsão de chuva em todas as regiões do estado.

Deixe seu comentário

Só para assinantes