PUBLICIDADE
Topo

Covas diz se comprometer a ter mais negros no 1º escalão da prefeitura

Bruno Covas durante evento em São Paulo - Wanderley Preite Sobrinho
Bruno Covas durante evento em São Paulo Imagem: Wanderley Preite Sobrinho

Do UOL, em São Paulo

23/11/2020 22h37

Candidato no segundo turno da disputa pela Prefeitura de São Paulo, o atual prefeito Bruno Covas (PSDB) declarou na noite de hoje ter se comprometido a ter mais pessoas negras em altos cargos do governo caso seja eleito.

Já me comprometi a ter mais negros no primeiro escalão no próximo governo

O tucano declarou em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, que a pandemia do novo coronavírus "afetou muito mais a população preta e parda da cidade que a população branca" e disse ter sido autor de um decreto que reconhece o racismo estrutural.

É mais difícil para mim porque eu não sofro. Eu nunca tive que explicar para o meu filho porque eu sou revistado pelo segurança quando outros não são. Não passei por esse tipo de constrangimento com minha família. Mas a gente precisa reconhecer que isso existe no Brasil

Covas também anunciou o Memorial dos Aflitos, destinado à memória da população negra que viveu em São Paulo durante a escravidão, e que foi determinado por lei sancionada em janeiro deste ano. Embora seja fruto de um projeto do vereador Reis (PT), o prefeito disse que não se trata de um tema "de esquerda ou direita".

Vamos ter, agora, o memorial dos Aflitos, que é uma luta que começou com um vereador da oposição, mas esse tema não é de esquerda ou direita, é progressista, é de direitos humanos, é básico reconhecer que pessoas sofrem pela cor da pele

* Colaboraram Felipe Oliveira, Gilvan Marques, João Victor Miranda e Juliana Arreguy