PUBLICIDADE
Topo

Ibope no Recife: João Campos e Marília Arraes estão tecnicamente empatados

João Campos e Marília Arraes disputam o segundo turno das eleições no Recife                              - FELIPE RIBEIRO/BRENDA ALCÂNTARA/JC IMAGEM
João Campos e Marília Arraes disputam o segundo turno das eleições no Recife Imagem: FELIPE RIBEIRO/BRENDA ALCÂNTARA/JC IMAGEM

Do UOL, em São Paulo

25/11/2020 18h42Atualizada em 25/11/2020 19h39

De acordo com pesquisa Ibope divulgada na noite de hoje, João Campos (PSB) tem 43% das intenções de voto na disputa pela Prefeitura do Recife, enquanto Marília Arraes (PT) aparece com 41%. Como a margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, os dois candidatos estão tecnicamente empatados.

Brancos ou nulos somam 15%; não sabem ou não responderam são 2%.

Numa dança da liderança numérica, Campos subiu quatro pontos percentuais em relação ao levantamento anterior e, agora, aparece numericamente à frente da petista, que caiu quatro pontos. No primeiro levantamento depois de encerrado o primeiro turno, Marília tinha 45% contra 39% de Campos.

Na apuração do primeiro turno, Campos fechou à frente, com 29,13%, contra 27,90% de Marília —cerca de 10 mil votos de diferença.

Veja os percentuais de cada candidato:

  • João Campos (PSB): 43%
  • Marília Arraes (PT): 41%
  • Em branco/nulo: 15%
  • Não sabe/não respondeu: 2%

Em relação ao levantamento anterior, divulgado na semana passada:

  • João Campos (PSB) tinha 39% e foi a 43%
  • Marília Arraes (PT) tinha 45% e foi a 41%
  • Branco/nulo se manteve em 15%
  • Não sabe/não respondeu foi de 1% para 2%.

Votos válidos

Sobre os votos válidos, que excluem brancos, nulos ou indecisos, o resultado fica da seguinte forma:

  • João Campos (PSB): 51%
  • Marília Arraes (PT): 49%

Intenção de voto espontânea

  • João Campos (PSB): 40%
  • Marília Arraes (PT): 38%
  • Outros: 1%
  • Branco/nulo: 18%
  • Não sabe/não respondeu: 4%

Foram entrevistadas 1.001 pessoas entre os dias 23 e 25 de novembro. Contratada pela TV Globo em parceria com o Jornal do Commercio, a pesquisa foi registrada no TRE-PE (Tribunal Regional Eleitoral do Pernambuco) sob o nº PE-04600/2020.

A pesquisa Ibope tem nível de confiança estimado em 95%, o que significa dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerada a margem de erro.

Disputa em família

João Campos é bisneto e Marília é neta do ex-governador de Pernambuco Miguel Arraes, avô do ex-governador Eduardo Campos, morto em acidente aéreo em 2014, durante campanha para a Presidência da República.

O racha da família Arraes foi oficializado quando Eduardo se lançou como candidato a presidente e Marília informou que iria votar em Dilma Rousseff (PT). À época, o presidenciável evitou falar na decisão da prima e afirmou que a democracia existe para todos.

João Campos, 26, é engenheiro civil e deputado federal em primeira legislatura. Na campanha para prefeito, ele conta com o apoio do governador do Estado, Paulo Câmara (PSB), e do prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), que não concorre ao cargo por já ter sido reeleito.

Marília, 36, é advogada, deputada federal em primeira legislatura e foi três vezes vereadora no Recife. Para disputar a prefeitura, Marília conseguiu convencer a direção nacional do partido, que anulou a decisão do diretório municipal e teve o nome lançado ao cargo. Ela já foi filiada ao PSB e trocou de partido em 2016.