PUBLICIDADE
Topo

Ibope em Vitória: Pazolini e João Coser aparecem empatados com 50% cada um

João Coser (PT) e Delegado Pazolini (Republicanos) disputam a Prefeitura de Vitória - Reprodução/Facebook/Arte-UOL
João Coser (PT) e Delegado Pazolini (Republicanos) disputam a Prefeitura de Vitória Imagem: Reprodução/Facebook/Arte-UOL

Do UOL, em São Paulo

28/11/2020 18h48Atualizada em 28/11/2020 23h04

A última pesquisa Ibope para o segundo turno da eleição municipal em Vitória mostra que Delegado Pazolini (Republicanos) e João Coser (PT) estão numericamente empatados na disputa pela prefeitura. Cada um tem 50% das intenções de votos válidos no levantamento divulgado hoje.

Os candidatos já estavam tecnicamente empatados na última pesquisa, de 23 de novembro, mas Coser oscilou positivamente três pontos percentuais e igualou a porcentagem do adversário, que variou negativamente de 53% para 50%. A margem de erro é de quatro pontos percentuais, para mais ou para menos.

Vitória é uma das poucas capitais onde o PT tem chance de vitória no domingo.

Votos válidos:

  • Delegado Pazolini (Republicanos): 50%
  • João Coser (PT): 50%

Para vencer no segundo turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um.

Entre os votos totais, que consideram na soma os brancos, nulos e indecisos, Delegado Pazolini passou de 48% para 46%, enquanto Coser foi de 43% para 46%, ambas oscilações dentro da margem de erro.

Votos totais:

  • Delegado Pazolini (Republicanos): 46%
  • João Coser (PT): 46%
  • Brancos/nulos: 5%
  • Não sabem/não opinaram: 3%

O Ibope ouviu 602 eleitores entre 26 e 28 de novembro. O nível de confiança utilizado é de 95%, ou seja, há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual cenário das urnas caso as eleições acontecessem hoje.

A pesquisa foi registrada no TSE sob o número ES-00047/2020 e encomendada pela TV Gazeta.

As pesquisas indicam um crescimento de Coser após o primeiro turno, quando ele ficou quase dez pontos percentuais atrás do rival. Delegado Pazolini teve 30,95% dos votos válidos no primeiro turno, enquanto o petista somou 21,82%.

Coser foi prefeito da capital do Espírito Santo por duas gestões, entre 2005 e 2012. Já Pazolini está em seu primeiro mandato como deputado e foi titular da Delegacia de Proteção à Criança e o Adolescente.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que constava na legenda, o nome do candidato é João Coser, e não José. A informação foi corrigida.