Sentença de Manning foi desproporcional e a redução da pena faz sentido, diz Obama

Do UOL, em São Paulo

  • Nicholas Kamm/AFP

Em sua última entrevista coletiva como presidente dos EUA, Barack Obama disse nesta quarta-feira (18) que a comutação da pena de Chelsea Manning, a transexual militar condenada por vazar documentos confidenciais para o Wikileaks, foi justa porque sua pena foi desproporcional.

De acordo com Obama, Manning serviu uma sentença bastante dura. "Considero que ela foi a julgamento, se submeteu a um processo, assumiu a responsabilidade pelo seu crime, e a sentença que recebeu foi muito desproporcional em relação a outras pessoas que vazaram informações. E ela já tinha cumprido uma quantidade significativa de tempo, então fazia sentido comutar e não perdoar a sentença", explicou Obama, citando os quase sete anos em que Manning permaneceu presa. 

"As pessoas que pensam em revelar material confidencial, não devem achar que não serão punidas", disse Obama.

Em 2013, Manning, que antes de um tratamento para mudança de sexo para se tornar mulher se chama Bradley, foi condenada a 35 de prisão por ter passado mais de 700 mil documentos classificados pelo governo e por militares como confidenciais ao Wikileaks. A sentença, classificada por muitos como excessiva e de fins intimidatórios, foi a punição mais severa por vazamento de informações oficiais jamais imposta nos EUA.

Cumprindo pena na base de Fort Leavenworth, no Kansas, a ex-militar tentou se suicidar duas vezes. Com a comutação de Obama, ela será libertada em maio. 

sobre a desistência do ativista Julian Assange, responsável pelo site Wikileaks, que divulgou as informações sigilosas, de se entregar às autoridades norte-americanas, Obama afirmou que "não presta atenção aos tuítes de Julian Assange" e que deixa isso para o Departamento de Justiça".

Sean Spicer, porta-voz do presidente eleito dos EUA, Donald Trump, afirmou que a decisão do atual líder da Casa Branca, Barack Obama, de comutar a pena da ex-soldado Chelsea Manning é "decepcionante". 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos