Morte de garoto de 4 anos choca os EUA e pai faz alerta sobre afogamento seco

Colaboração para o UOL

  • Reprodução

A trágica morte de um garoto de 4 anos nos Estados Unidos está servindo de alerta para os pais com filhos pequenos. Francisco "Frankie" Delgado morreu 6 dias após ter nadado durante uma viagem em família no Texas. Os médicos suspeitam de afogamento secundário ou afogamento seco, quando a água ingerida vai parar nos pulmões.

Em entrevista à rede ABC 13 na útlima sexta-feira (9), os pais revelaram que o garoto engoliu água enquanto nadava e ao voltar para casa começou a ter dores no estômago, diarreia e tosse. Frankie parecia estar se recuperando ao longo da semana, mas acabou morrendo subitamente ao acordar ofegante. Levado à emergência, os médicos tentaram reanimá-lo, mas os pulmões já estavam cheios de água e era tarde demais. "Foi isso que o levou para o céu", contou o pai de Frankie ao portal People.

O caso chocou os Estados Unidos e foi divulgado amplamente pela imprensa local. Após a repercussão, alguns pais relataram que conseguiram salvar seus filhos após passarem por situações parecidas.

É o caso do sargento Garon Vega e seu garoto Gio de 2 anos. A criança teve febre e dificuldades para respirar após ter brincado na piscina e engolido água. Conhecendo o caso de Frankie, Vega decidiu levar o menino para o Pronto Socorro. O médico revelou que Gio não passaria daquela noite, caso os pais não tivessem se precavido.

Comovido, Vega decidiu entrar em contato com os pais de Frankie, para tentar de alguma maneira confortá-los.

"Eu não sabia como me dirigir a eles, mas o filho deles salvou a vida do nosso garoto. Tem um propósito. Foi uma tragédia o que aconteceu, mas se eu não tivesse dito à minha esposa que o Gio engoliu água e ela não tivesse lido a história do Frankie, nós acabaríamos achando que ele estava com uma doença qualquer", afirmou o pai em entrevista à ABC.

A família de Frankie quer justamente que a triste história do garoto sirva como exemplo para que os pais tenham cuidado com os sintomas de afogamento seco e possam salvar as crianças a tempo.

O afogamento seco é mais comum entre crianças e acontece quando a pessoa ingere água e ela vai para os pulmões, que ficam irritados e reagem produzindo um fluído. Esta reação pode gerar problemas respiratórios, danos cerebrais e, como no caso de Frankie, a morte. Entre os sintomas estão diarreia, vômito e dificuldades para respirar.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos