Ex-presidente sul-coreana é condenada a 24 anos de prisão

Do UOL, em São Paulo

  • Yonhap/AFP Photo

    A presidente destituída da Coreia do Sul, Park Geun-Hye, em foto de março de 2017

    A presidente destituída da Coreia do Sul, Park Geun-Hye, em foto de março de 2017

A ex-presidente sul-coreana Park Geun-hye foi condenada a 24 anos de prisão nesta sexta-feira (6) por um tribunal de Seul, que a considerou culpada de várias acusações de abuso de poder, coação e suborno. A sentença marca o fim do escândalo de corrupção que ficou conhecido como "Rasputina" e forçou sua cassação em janeiro de 2017

Park, 66, está presa preventivamente há um ano e, segundo a agência de notícias estatal sul-coreana Yonhap, não compareceu ao julgamento de condenação. Ela já negou todas as acusações contra ela, embora tenha se desculpado por se permitir influenciar pela amiga e assessora presidencial Choi Soon-sil, a "Rasputina", pivô do escândalo. 

Choi, 61, que está presa desde novembro de 2017, foi condenada em 13 de fevereiro deste ano a 20 anos de prisão

Na sessão desta sexta, transmitida ao vivo pela TV, o tribunal disse estar comprovado que a ex-presidente e sua amiga criaram uma vasta rede de favores através da qual extorquiram grandes empresas como Samsung, Hyundai e Lotte.

É a primeira vez que a Coreia do Sul transmite pela televisão o veredicto de uma causa penal. No ano passado, a Suprema Corte aprovou uma emenda permitindo a cobertura, caso o tribunal considerasse ser o caso de interesse público.

Uma multidão de simpatizantes da ex-presidente se reuniu na porta do tribunal, agitando bandeiras do país e mostrando cartazes em inglês com os dizeres: "Parem os processos mortais contra Park Geun-hye" e "O Estado de Direito morreu".

AP Photo/Ahn Young-joon
Apoiadores de Park se manifestam em frente ao tribunal em Seul durante condenação
A saída de Park do governo motivou uma antecipação nas eleições, vencidas em maio do ano passado pelo liberal Moon-Jae-in. (Com agências de notícias)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos