PUBLICIDADE
Topo

Escolas da Califórnia não devem abrir até o próximo ano letivo, diz jornal

Uma faxineira limpa a sala de aula em escola para tentar conter um surto de coronavírus - Massimo Pinca/Reuters
Uma faxineira limpa a sala de aula em escola para tentar conter um surto de coronavírus Imagem: Massimo Pinca/Reuters

Do UOL, em São Paulo

31/03/2020 22h47

As escolas da Califórnia não devem reabrir antes do fim do ano letivo, em junho deste ano, por causa da pandemia de coronavírus. O surto levou aulas a serem suspensas nos Estados Unidos e por todo o mundo.

A informação foi publicada pelo jornal San Francisco Chronicle, que publicou trechos de um documento assinado pelo superintendente local de educação, Tony Thurmond.

"Diante das medidas de isolamento adotadas para segurança, parece que nossos estudantes podem não retornar à escola antes do fim do ano letivo", disse Thurmand.

O superintendente também afirmou que busca melhorar as medidas de ensino à distância.

"Isso não significa que a escola estará fechada, mas mostra que vamos nos esforçar para trabalhar com a educação à distância", afirmou.

Coronavírus