PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
15 dias

Ex-policial recebe 122 acusações de abuso e tem valor de fiança aumentado

James Carey, de 53 anos, foi acusado no início de abril de abusar sexualmente de pelo menos quatro adolescentes  - Bucks County District Attorney
James Carey, de 53 anos, foi acusado no início de abril de abusar sexualmente de pelo menos quatro adolescentes Imagem: Bucks County District Attorney

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/04/2021 16h27

O ex-policial James Carey, de 53 anos, que enfrenta 122 acusações de abuso sexual infantil, teve na terça-feira (20) sua fiança aumentada de 100 mil doláres — aproximadamente R$ 557 mil — para 250 mil dólares, o que equivale a R$ 1,3 milhões.

Um tribunal do condado de Bucks, no estado norte-americano da Pensilvânia, acusou Carey no início de abril de abusar sexualmente de ao menos quatro adolescentes desde 2001, de acordo com a emissora KYW-TV.

O aumento de fiança ocorreu depois que novas vítimas surgiram e um juiz do condado chamou o valor estipulado anteriormente de "lamentavelmente inadequado", segundo a FoxNews.

Apesar do combinado anterior de US $ 100 mil, o acusado pagou somente US $ 10 mil (aproximadamente R$ 55,6 mil) antes de ser libertado da prisão, há duas semanas.

Isso foi considerado um equívoco por Matt Weintraub, promotor distrital de Bucks. "Não posso responder pelo que está na cabeça de um juiz", disse ele, segundo a CBS. "Eu gostaria de poder, mas não posso."

Carey também ainda não pagou o novo valor aumentado da fiança. Ele era policial de um departamento D.A.R.E, um programa educacional que ocorre em parceria com as autoridades americanas para evitar que crianças tenham acesso a drogas e a realidades violentas.

Mais tarde, o ex-oficial também trabalhou como motorista de ônibus substituto para escolas de Dennis Township, em Nova Jersey. Ele teria abusado algumas vítimas em ambiente escolar e também na banheira de hidromassagem de sua casa, segundo a NBC Philadelphia.

Internacional