PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
3 meses

Itamaraty afirma que não há brasileiros no Afeganistão

Itamaraty AMP - Reuters
Itamaraty AMP Imagem: Reuters

Do UOL, em Brasília

15/08/2021 12h56

Por meio de nota, o Ministério das Relações Exteriores informou que está monitorando a situação do Afeganistão e afirmou que não tem registro de brasileiros vivendo no local do conflito. Cidades importantes na região foram tomadas pelo Taleban, grupo radical islâmico.

O Itamaraty também disse que, por ora, nenhuma medida de proteção a funcionários da embaixada brasileira em Islamabad está prevista. A representação diplomática da capital do Paquistão, é a responsável por representar, cumulativamente, o país junto ao Afeganistão.

O ataque do grupo islâmico fez com que o presidente e o vice, Ashraf Ghani e Amrullah Saleh, respectivamente, deixassem o país. A informação foi confirmada por um funcionário de alto escalão do Ministério do Interior do governo.

Cidadas como Jalalabad e Mazar-i-Sharif foram dominadas pelo Taleban e a capital Cabul continua cercada pelo grupo insurgente. Eles também ocuparam o posto fronteiriço de Torkham com o Paquistão, deixando o aeroporto de Cabul como a única saída do Afeganistão que ainda está nas mãos do governo.

Recentemente, os EUA retiraram a maior parte das tropas que mantinham na região. Com o conflito, porém, o corpo diplomático norte-americano foi transportado por helicóptero ao aeroporto da embaixada no distrito fortificado de Wazir Akbar Khan.

No sábado, o presidente norte-americano, Joe Biden, autorizou o envio de 5 mil soldados ao local para ajudar a evacuar os cidadãos e garantir uma retirada "ordenada e segura" de militares.

Internacional