PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
3 meses

Corpos de mais dois paraguaios são encontrados perto da fronteira do Brasil

Paraguaios que estavam desaparecidos são encontrados mortos - Reprodução/ Rádio Oásis
Paraguaios que estavam desaparecidos são encontrados mortos Imagem: Reprodução/ Rádio Oásis

Colaboração para o UOL, em São Paulo

04/10/2021 21h36Atualizada em 05/10/2021 08h46

Os corpos de dois paraguaios foram encontrados, ontem, em sacos plásticos em uma estrada que liga a cidade de Pedro Juan Caballero a Bela Vista (MS), no Brasil. No município, houve uma operação envolvendo policiais brasileiros e paraguaios nos últimos dias e, desde agosto, há um aumento no número de assassinatos não esclarecidos nos dois países, nas proximidades da fronteira.

Segundo a rádio paraguaia Oásis, os corpos foram identificados como sendo de Marcelo Adrián Benitez Ortiz, de 26 anos, conhecido como "Chelo", e Cornelio Ramón Jara Bogarín, de 27 anos.

Os rapazes estavam desaparecidos desde a última quarta-feira (29) depois que, segundo os familiares, saíram para negociar a venda de uma caminhonete Toyota Fortuner e não retornaram. Desde então, o sumiço vinha sendo investigado pela Polícia Nacional do Paraguai.

Ainda segundo a imprensa local, os corpos tinham marcas de tiros. O documento pessoal de Marcelo e um aparelho celular quebrado foram encontrados próximos aos corpos. Eles foram reconhecidos por familiares, a partir de tatuagens.

Marcelo e Cornélio eram paraguaios e moravam em Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul.

Como a caminhonete dos amigos não foi encontrada, a Polícia Nacional trabalha com a hipótese de latrocínio — roubo seguido de morte.

Internacional