Conteúdo publicado há 1 mês

Evento baseado no filme 'Wonka' é cancelado após protestos na Escócia

Um evento anunciado como uma "celebração do chocolate em todas as suas formas deliciosas", em referência ao filme Wonka, foi cancelado na Escócia após ser alvo de protestos de crianças e pais enfurecidos.

O que se sabe

Agentes da polícia foram chamados ao local, em Glasgow, no fim de semana, depois que famílias reclamaram do evento "horrível", que foi abruptamente cancelado. A informação é do jornal britânico The Guardian.

A empresa organizadora do evento, House of Illuminati, cobrou R$ 220 pelos ingressos, prometendo uma "experiência envolvente" baseada no filme 'Wonka', no qual Timothée Chalamet interpreta a versão mais jovem do personagem de 'A Fantástica Fábrica de Chocolate'.

Na publicidade do evento, eram prometidos cogumelos gigantes, bastões de doces e fontes de chocolate, além de efeitos especiais audiovisuais, com participação dos dançarinos Oompa-Loompas - os minúsculos homens laranja que abastecem a fábrica de chocolate de Wonka no livro de Roald Dahl, que inspirou os filmes anteriores.

Porém, quando as crianças chegaram ao endereço em Whiteinch, uma área industrial da cidade, descobriram um armazém decorado com adereços de plástico, um pequeno castelo inflável e alguns cartazes colados nas paredes.

Após uma reação imediata e irritada dos que chegaram mais cedo, exigindo o seu dinheiro de volta, os organizadores suspenderam o evento apenas algumas horas após a abertura. A empresa, porém, não emitiu nenhum comunicado avisando quem chegaria depois. Alguns dos pagantes percorreram distâncias longas e agora exigem o reembolso dos custos do transporte também.

Famílias furiosas criaram um grupo no Facebook, onde descrevem seus filhos chorando de decepção com o evento programado para acontecer no sábado e domingo.

A Polícia da Escócia confirmou que os policiais foram chamados ao local após reclamações. Ninguém foi preso.

Em comunicado, a House of Illuminati pediu desculpas aos clientes pelo "dia muito estressante e frustrante". A empresa também anunciou que um reembolso total seria concedido aos clientes, em um prazo de até 10 dias.

Continua após a publicidade

Deixe seu comentário

Só para assinantes