Conteúdo publicado há 1 mês

Portuguesa procurada pela Interpol é presa pela PF na Barra da Tijuca (RJ)

A PF (Polícia Federal) prendeu nesta sexta-feira (1º) na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio, uma portuguesa foragida do seu país pelo crime de tráfico internacional de drogas.

O que aconteceu

Portuguesa de 38 anos era procurada pela Interpol (Organização Internacional de Polícia Criminal). A mulher, que não teve a identidade revelada, estava na lista da Difusão Vermelha da Interpol e era procurada para ser julgada no seu país. A prisão, segundo a comunicação da PF no Rio de Janeiro, ocorreu para que ela seja extraditada para Portugal.

Mulher foi presa em casa. A ação foi cumprida por agentes federais do Núcleo de Cooperação Internacional da PF no Rio de Janeiro (NCI/Interpol/RJ), com auxílio da equipe do Setor de Capturas Internacionais da PF.

Mandado de prisão contra portuguesa foi emitido pelo STF (Supremo Tribunal Federal). O pedido de extradição da estrangeira foi feito às autoridades brasileiras pela Justiça portuguesa. Se condenada, a mulher pode ficar até 33 anos presa pela prática de tráfico internacional de drogas.

Presa será encaminhada ao sistema prisional do estado. Ela ficará no local até que ocorra a extradição definitiva para Portugal — não foi informada uma data para isso ocorrer.

Deixe seu comentário

Só para assinantes