PUBLICIDADE
Topo

Meio Ambiente

Setenta e duas cidades brasileiras têm recorde de frio do ano nesta quinta-feira

Do UOL, em São Paulo

25/07/2013 14h55

Setenta e duas cidades brasileiras registraram nesta quinta-feira (25) recordes de frio -- a menor temperatura mínima do ano -- segundo dados da Somar Meteorologia. Ao todo, o fenômeno ocorreu em 12 Estados.

O valor mais baixo aconteceu em Santana do Livramento (RS), onde foi registrada a temperatura de -3°C. Outras 10 cidades no Rio Grande do Sul tiveram recorde -- cinco delas ficaram com temperaturas abaixo de zero.

VOCÊ MANDA PARA O UOL

  • Rodrigo Philipps/Agência RBS

    Envie fotos do frio e da neve na sua cidade

O Mato Grosso do Sul foi o Estado com maior número recordes. Dezoito cidades registraram a menor temperatura do ano, sendo que em Bela Vista os termômetros marcaram -1,3ºC. Em Campo Grande, capital do Estado, a mínima foi de 4,5°C.

Completam a lista de Estados com recorde de frio Paraná, Goiás, Mato Grosso, Bahia, Acre, Rondônia, Amazonas, Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo.

Frio em quatro regiões
No Rio Grande do Sul, houve geada nesta quinta-feira em vários municípios. Segundo o Inmet, a mínima no estado foi –2ºC. Na capital Porto Alegre a mínima chegou a 3ºC. No Paraná, temperatura mínima, na madrugada, chegou a –0,8ºC. Na capital Curitiba o frio vem acompanhado de chuva e a temperatura mínima chegou a 0ºC.

Nas capitais Rio de Janeiro, a temperatura mínima registrada na madrugada foi 14ºC. Em São Paulo, a mínima registrada pelo Inmet foi 8ºC.

No Distrito Federal, o tempo continua parcialmente nublado, com temperatura mínima de 12ºC. Também na região Centro-Oeste, Goiânia registrou mínima de 10ºC, pela madrugada.

A frente fria também atingiu o Norte do país. Em Rio Branco, capital do Acre, a temperatura caiu muito, chegando a 9,6ºC. No norte de Rondônia, a temperatura durante a madrugada chegou à mínima de 14ºC e no sul do Amazonas foi registrado, durante a madrugada, mínima de 11ºC.

Previsão para tarde e noite
Entre o fim do dia e noite, as temperaturas entram em acentuado declínio aumentando a sensação de frio. No Sul, a massa de ar polar mantém a força e as temperaturas continuam baixas.

No Sudeste uma frente fria ao longo da costa segue deixando o tempo instável entre o centro-leste paulista, Rio de Janeiro e zona da Mata mineira. As temperaturas continuam baixas.

No Centro-Oeste o tempo seco predomina e faz bastante frio em Mato Grosso do Sul e no sul de Goiás. Já em Mato Grosso as temperaturas ficam mais amenas ao longo desta noite.

Na região Nordeste o tempo seco predomina em grande parte do interior. Pode haver pancadas de chuva que podem ser mais intensas em pontos isolado entre o litoral norte da Bahia até Pernambuco.

Na Região Norte, chove somente entre o norte do Pará, Roraima e Amapá, nas demais regiões o tempo seco predomina.

Temperaturas vão subir nesta sexta
Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), a tendência é que a temperatura comece a subir a partir desta sexta (26) nas regiões sul, sudeste e centro-oeste, quando a grande massa de ar polar sobre o Brasil perderá força. A semana foi marcada por neve, geada, chuva, chuva congelada e tempo nublado nestas regiões.

Segundo o Ciram (Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina), durante cinco dias nevou em 93 municípios e em 32 ocorreu chuva congelada. A temperatura mínima registrada pelo Inmet, durante esta madrugada, foi –7,4 graus Celsius.

(Com Agência Brasil)

Meio Ambiente