Topo

Bolsonaro recebe visita de Aras e de ex-deputado e fala sobre crise no PSL

3.out.2019 - O presidente da República, Jair Bolsonaro - Isac Nóbrega - 3.out.2019/PR
3.out.2019 - O presidente da República, Jair Bolsonaro Imagem: Isac Nóbrega - 3.out.2019/PR

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

19/10/2019 12h53

Resumo da notícia

  • O presidente Jair Bolsonaro (PSL) recebeu a visita o ex-deputado Alberto Fraga (DEM)
  • No encontro, eles conversaram sobre a crise no PSL

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) recebeu na manhã de hoje a visita o ex-deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) e do procurador-geral da República, Augusto Aras. Fraga afirmou que esteve no local para participar da comemoração de aniversário da filha caçula de Bolsonaro, Laura.

No encontro, eles conversaram sobre a crise no PSL. "Eu só fiz uma pergunta para ele sobre essa situação e ele me disse que é uma coisa chata. O presidente não entrou em detalhes, principalmente porque o procurador estava comigo. Aras não quis tratar do assunto e disse que não era da seara dele", afirmou Fraga ao UOL.

A crise no partido ganhou força no último dia 8. Sem saber que estava sendo transmitido ao vivo, Bolsonaro disse para um apoiador "esquecer o PSL" e afirmou que Luciano Bivar, presidente do partido, estava "queimado pra caramba".

Nos dias seguintes, nomes do partido saíram em defesa de Bolsonaro ou de Bivar, mostrando que havia um racha. Como pano de fundo, ambições políticas, disputa pelo controle do dinheiro do fundo partidário e a influência dos filhos do presidente.

A situação piorou após Bivar ser alvo de uma operação da Polícia Federal. Em seguida, Bolsonaro articulou a derrubada do líder do PSL na Câmara, delegado Waldir (GO), e substituí-lo pelo filho, Eduardo Bolsonaro (SP). Entretanto, a articulação fracassou e o parlamentar de Goiás permaneceu no posto.

Política