PUBLICIDADE
Topo

Carla Zambelli se manifesta sobre decisão de Mendonça: 'Que orgulho'

A deputada Carla Zambelli criticou a operação da PF de ontem no inquérito das fake news - Michel Jesus/ Câmara dos Deputados
A deputada Carla Zambelli criticou a operação da PF de ontem no inquérito das fake news Imagem: Michel Jesus/ Câmara dos Deputados

Do UOL, em São Paulo

28/05/2020 14h37

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) agradeceu ao ministro da Justiça, André Mendonça, pela decisão de ingressar com um pedido de habeas corpus para impedir o depoimento no Supremo Tribunal Federal (STF) do ministro da Educação, Abraham Weintraub. Segundo Mendonça, a medida visa "garantir liberdade de expressão dos cidadãos".

Em perfil no Twitter, a deputada agradeceu a Mendonça. "Que orgulho, meu Deus. Obrigada, Ministro".

Na madrugada de hoje, o ministro da Justiça fez o anúncio na rede social e defendeu que a medida visa garantir a liberdade de expressão e a harmonia entre os poderes.

"Ingressei com habeas corpus perante o STF em razão do Inquérito 4781. A medida visa garantir liberdade de expressão dos cidadãos. De modo mais específico do ministro Abraham Weintraub e demais pessoas submetidas ao Inquérito. Também visa preservar a independência, harmonia e respeito entre os poderes", escreveu.

Ontem, a deputada criticou a operação da Polícia Federal que cumpriu 29 mandados de busca e apreensão no inquérito das fake news.

"Toda pessoa que respeite a lei tem a obrigação de repudiar essas buscas no âmbito de um inquérito ilegal e inconstitucional, sem fato determinado e já arquivado pela PGR. Se você aplaude a ação ilegal contra seu adversário, não adianta reclamar quando ela se voltar contra você", escreveu.

Política