PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
8 meses

Filha de Olavo descobriu paradeiro de Queiroz ao trabalhar em casa vizinha

Heloísa de Carvalho, filha de Olavo de Carvalho, posou em frente à casa onde Queiroz foi encontrado para celebrar a prisão do ex-assessor - Reprodução/Instagram
Heloísa de Carvalho, filha de Olavo de Carvalho, posou em frente à casa onde Queiroz foi encontrado para celebrar a prisão do ex-assessor Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

19/06/2020 18h32

Filha do escritor Olavo de Carvalho, Heloísa de Carvalho revelou para a CNN Brasil que descobriu o paradeiro do ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), Fabrício Queiroz, ao trabalhar na casa vizinha ao sítio em que ele foi preso, em Atibaia, no interior de São Paulo.

Ela contou que foi questionada no início de 2019 por um jornalista se sabia algo sobre o paradeiro de Queiroz em Atibaia, especificamente na casa do advogado Frederick Wassef. Na época, ela tomava conta da residência de uma amiga, que depois morreu.

"Joguei o nome [do advogado] no site da OAB e achei. Quando vi o endereço, a casa literalmente de muro com o escritório é a que eu tomava conta", disse.

Heloísa, que vive há mais de 30 anos em Atibaia e se classifica como antibolsonarista, falou sobre o caso com o amigo Bruno Maia, e eles foram investigar.

"Ela cruzou outra informação de que um imóvel do advogado da família Bolsonaro tinha sido transformado em escritório de advocacia. E fomos até lá averiguar se poderia, por acaso, ser uma pista quente de onde vivia Queiroz", contou Bruno.

Heloísa diz que rompeu relações com o pai e a família em 2017. O afastamento veio após discussão durante gravações de um documentário de Olavo.

"Eu liguei para o meu pai para interceder em favor ao diretor. A priori meu pai falou: 'Não se meta nisso'. Quando ele falou isso, pensei: 'Agora que tem alguma situação'. Foi aí que ele me xingou", disse Heloísa.

A intenção dela é colaborar com a investigação no que for possível. "Espero que o Queiroz fale tudo o que sabe. E ele deve saber muita coisa porque estava escondido. Espero que venha muita coisa à tona, que venha a ser investigada. Sempre fui contra a corrupção".

Heloísa de Carvalho foi ontem até a casa de onde Queiroz foi preso. Ela posou em frente ao local com uma taça de champanhe com suco de laranja para celebrar a prisão do ex-assessor do filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Prisão de Queiroz

Queiroz foi localizado e preso em um imóvel que pertence a Frederick Wassef, que ontem esteve na posse do novo ministro das Comunicações, Fábio Faria (PSD-RN), cerimônia que também contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro.

A prisão de Queiroz é preventiva, ou seja, sem prazo para acabar. No local, policiais também apreenderam objetos como celulares, cartão de crédito e notas de reais.

A mulher de Fabrício Queiroz também teve prisão autorizada, mas não foi localizada até o momento.

Política