PUBLICIDADE
Topo

Política

Deputado interrompe colega de partido e cita acusação: 'Saiu no Fantástico'

Juliana Arreguy

Do UOL, em São Paulo

20/10/2020 18h45Atualizada em 20/10/2020 19h58

O deputado Luis Miranda (DEM-DF) presidia uma sessão da Câmara na tarde de hoje quando foi surpreendido pela interrupção do correligionário Zacharias Calil (GO). A fala, no entanto, se referiu a uma matéria televisiva que acusava Miranda de fraude financeira.

O cara que está presidindo a mesa é aquele que saiu no Fantástico, saiu na Record, que deu o cano...
Zacharias Calil (DEM-GO)

Calil disse que os dois são amigos, enquanto Miranda citou constrangimento com o episódio. O partido ainda não comentou o caso.

A voz de Calil cortou o momento em que o deputado General Girão (PSL-RN) começava a discursar.

Eu gostaria de ter privacidade para poder falar
General Girão (PSL-RN)

Girão reclamou com Miranda que gostaria de recomeçar do zero a sua fala — cronometrada pela Casa, assim como em todos os pronunciamentos de outros parlamentares.

Por favor, mesa, feche todos os microfones. Nosso colega está falando. Retorne o tempo do general Girão
Luis Miranda (DEM-DF)

Miranda determinou que os microfones de todos os deputados que participavam da sessão, exceto Girão, fossem silenciados. No momento da interrupção ele não fez comentários a respeito da fala do colega de partido.

Deputados "de primeira viagem", Calil e Miranda iniciaram a legislatura juntos, em janeiro de 2019. Procurada, a assessoria do DEM não respondeu se comentará o episódio entre os parlamentares.

O que os deputados dizem

A assessoria de Calil alegou, em nota enviada ao UOL, que a fala vazada na sessão foi incompleta e que se o áudio tivesse sido mantido, o próprio deputado teria se explicado. Calil e Miranda, segundo nota enviada pela comunicação, são amigos e já conversaram sobre o ocorrido.

O deputado dr. Zacharias Calil explica que sua fala não foi completa no trecho que aparece durante a sessão. Ele conversava com sua filha, que tinha perguntado sobre quem presidia a mesa, explicando que o deputado passou pela situação de acusação, aparecendo em matérias jornalísticas, mas que o conhece, são companheiros de partido e amigos. O deputado dr. Zacharias Calil já conversou com o dep. Luís Miranda e esclareceu a situação
Nota enviada pela assessoria de Zacharias Calil

No entanto, ao UOL, o deputado Luis Miranda lamentou "situação tão constrangedora". Ele afirmou ter recebido o telefonema de Calil se explicando e disse esperar que a fala do colega seja sincera.

Não bastou ser absolvido de todas as acusações, prender quem me extorquia, indiciar os que me acusavam -- o STF investiga os mesmos que armavam contra mim, já tidos como produtores de fake news. Estou fazendo de tudo para ajudar a minha cidade, o meu país e os meus colegas deputados. Nada disso foi suficiente para evitar essa situação tão constrangedora e espero verdadeiramente que tenha sido algo isolado, e que o colega tenha dito a verdade quando me ligou e disse que a continuidade da fala dele me defendia para a sua filha, afirmando que fui injustiçado
Luis Miranda ao UOL

As acusações contra Miranda

Uma reportagem veiculada pelo Fantástico em setembro do ano passado entrevistou 25 pessoas que se disseram vítimas de golpes financeiros de Miranda nos Estados Unidos. O deputado, antes de ser eleito, era youtuber e vivia em Miami.

Miranda foi acusado por algumas das vítimas de vender cursos, no valor de R$ 1,2 mil cada, que prometiam ensinar a viver legalmente nos EUA e a prosperar financeiramente no país. Outros alegam investimento em compra e venda de veículos em leilão sob promessa de retorno financeiro por parte de Miranda. O lucro, disseram à TV, nunca veio.

Miranda negou todas as acusações.

Política