PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
8 meses

CE: Polícia investiga ameaça de morte contra governador Camilo Santana

A Polícia Civil do Ceará investiga ameaça de morte contra o governador Camilo Santana (PT) - Reprodução/ Twitter
A Polícia Civil do Ceará investiga ameaça de morte contra o governador Camilo Santana (PT) Imagem: Reprodução/ Twitter

Camila Mathias

Colaboração para o UOL, em Fortaleza

29/03/2021 22h14

A Polícia Civil do Ceará instaurou inquérito para investigar uma suposta ameaça de morte, que circulou em mensagem de áudio, contra o governador Camilo Santana (PT). O aparelho celular de onde teriam partido as mensagens será submetido a análise policial.

A Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas informa ter identificado o suspeito de gravar o áudio e, na última sexta-feira (26), cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência dele, no bairro Dom Lustosa, em Fortaleza. O homem de 53 anos foi interrogado e teve o celular apreendido.

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social informou que a Polícia Civil do Ceará segue investigando o caso para apurar o envolvimento de outras pessoas e a participação do suspeito em outros crimes. O homem responderá criminalmente pelas ameaças.

Em uma live em suas redes sociais, o petista comentou o ocorrido, destacou que foi informado do caso pelo Núcleo da Polícia Civil do Ceará na semana passada e ainda disse que as autoridades estão tomando as providências necessárias.

Camilo reafirmou as decisões tomadas para o enfrentamento à pandemia no Estado. "Quero dizer que vou continuar agindo da mesma forma. Estou com a consciência em paz de que tudo que tenho procurado fazer é para proteger a vida dos meus irmãos e irmãs cearenses", disse.

A suposta ameaça sofrida pelo governador está associada às medidas de isolamento social mais rígidas adotadas para contenção da disseminação do coronavírus.

Política