PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

Políticos desejam melhoras a Covas por câncer; prefeito agradece

Siga o UOL no

Do UOL, em São Paulo

02/05/2021 18h38Atualizada em 02/05/2021 20h40

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), recebeu mensagens de apoio e melhores de políticos de todo o país após anunciar hoje o afastamento do cargo por 30 dias para tratar do câncer.

Segundo nota da prefeitura, foram encontrados novos focos da doença, diagnosticada no final de 2019. Com o anúncio, apoiadores e opositores foram às redes sociais para prestar apoio. O prefeito agradeceu.

"Vai dar certo. Orando por você aqui! Força!", publicou o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), no Twitter, em resposta ao anúncio.

Guilherme Boulos (PSOL-SP), que enfrentou Covas no segundo turno da eleição municipal no ano passado, declarou que não se deve confundir "posições políticas opostas com desumanidade".

Márcio França (PSB-SP), também derrotado por Covas no ano passado, foi mais um a prestar apoio.

O ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), também se pronunciou.

Marco Vinholi, presidente estadual do PSDB e Secretário de Desenvolvimento Regional de São Paulo, emitiu uma nota em nova dos tucanos paulistas.

"Em nome dos tucanos de São Paulo, manifesto nosso total e irrestrito apoio ao prefeito Bruno Covas. O PSDB de São Paulo confia que, ao fim deste período de 30 dias, Covas retomará suas atividades com ainda mais dedicação. Estamos com Covas, lado a lado, nesta batalha", declarou Vinholi.

O vereador Toninho Vespoli (PSOL-SP), opositor a Covas na Câmara Municipal, também prestou apoio.

Covas agradeceu apoio

Ao fazer o anúncio, publicando a nota oficial da prefeitura, Covas agradeceu ao apoio e reproduziu o seu lema de campanha em 2020: "Força, foco e fé".

Política