PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

Aziz ironiza 'Xeque Dudu Bolsonaro' após foto do deputado em Dubai

Colaboração para o UOL, em Alagoas, e do UOL, em Brasília

18/10/2021 11h55Atualizada em 18/10/2021 15h46

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), ironizou hoje o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) ao afirmar que ele é o "Xeque Dudu Bolsonaro", após o filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) viajar a Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, e tirar foto ao lado da esposa, Heloisa Wolf, e da filha do casal, Geórgia, em trajes locais. A foto foi publicada nas redes sociais.

"Duduzinho Bolsonaro está em Dubai tirando foto com o dinheiro do povo brasileiro lá, né? E acha que é melhor, mais honesto do que os outros brasileiros. Acha que é mais patriota. Está lá tirando foto. Eu vi uma foto dele aqui, ele de xeque, né? É o verdadeiro xeque Dudu Bolsonaro", declarou.

Na reta final, a CPI da Covid ouve hoje familiares de vítimas do novo coronavírus. A crítica de Aziz aconteceu quando criticou o incentivo de Eduardo Bolsonaro ao fim de restrições de distanciamento social em Manaus, no fim de dezembro do ano passado. No mês seguinte, o estado viveria uma crise aguda de covid e falta de oxigênio medicinal para atender todos os pacientes internados com a doença.

"O que aconteceu em Manaus foi o seguinte: dia 26 de dezembro de 2020, o governador decretou lockdown. Daí começou. Muitos dos que você está indiciando, na internet e tal, que era um absurdo; manifestação, foram para a porta do governador... E o governador recua. O Eduardo Bolsonaro: 'É, tem que ir para cima! Tem que acontecer...'. E está lá em Dubai agora. Dudu Bolsonaro", afirmou "[...] Esse xeque Dudu Bolsonaro escreveu lá, botou lá... O xeque Dudu Bolsonaro disse: 'Não, lá no Amazonas o povo fez o governador recuar'. O governador recuou, mas aconteceu esse relato que ela está dando aqui, em janeiro de 2021."

Heloísa Wolf postou no Instagram que o motivo para a viagem é que o marido integra a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados e foi representar a Frente Parlamentar Brasil-Emirados Árabes Unidos, com foco na feira internacional Expo 2020, em Dubai.

Ela negou que estejam gastando dinheiro público. "Parece algo de outro mundo que Eduardo possa estar em viagem com a família (e a trabalho) sem gastar um real de dinheiro público, né? Muitos parecem não conseguir acreditar. Mas problema de quem não acredita! O que importa são os fatos e isso é um fato: nossa vinda a Dubai representa custo zero ao Estado", escreveu.

Oposição critica

Mais cedo, uma série de políticos da oposição também criticou a foto de Eduardo Bolsonaro com a família na viagem.

O deputado federal Marcelo Freixo (PSB-RJ) afirmou que a foto é um "deboche" com os milhões de brasileiros que passam fome. Em seu perfil no Twitter, o parlamentar repercutiu a viagem feita por Eduardo ao lado da família para os Emirados Árabes. O oposicionista disse que o filho do presidente "brinca de ser xeque", enquanto os brasileiros precisam "pegar resto de comida" para se alimentar.

"Isso é deboche com os brasileiros. Eduardo Bolsonaro levou a família junto com a comitiva do governo à Dubai e brinca de ser xeque, enquanto 19 milhões de pessoas passam fome no Brasil", escreveu Freixo.

A deputada federal Erika Kokay (PT-DF) questionou qual o custo "dessa viagem grotesca".

Henrique Fontana, parlamentar petista do Rio Grande do Sul, retuitou a publicação de Marcelo Freixo e considerou que a foto é um "retrato do Brasil com a família Bolsonaro no poder: um deboche absurdo".

O deputado Rogério Correia (PT-MG) destacou a inflação elevada para dizer que, enquanto isso "Dudu resolver brincar de xeque com a família em Dubai, um dos lugares mais caros do mundo" e afirma tratar-se de um "deboche com a cara do povo".

A deputada federal Vivi Reis (PSOL-PA) pontuou que, ao mesmo tempo em que Eduardo ganha uma "viagem de luxo na comitiva do governo, brasileiros reviram sacos de lixo para sobreviver".

Eduardo Bolsonaro reage a críticas

Também no Twitter, Eduardo Bolsonaro rebateu Marcelo Freixo e disse ter viajado aos Emirados Árabes a fim de "atrair empregos para o Brasil". Ainda, ele criticou o parlamentar fluminense por ter apoiado as medidas sanitárias recomendadas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) durante a pandemia de coronavírus, e o culpou pela crise econômica.

"Sabe por que brasileiros estão passando fome? Porque você apoiou o 'fique em casa a economia a gente vê depois', enquanto aglomerava na praia de Ilha Grande com os amiguinhos sem máscara. Hipócrita. Eu venho aqui para a atrair empregos para o Brasil, para desfazer a merda que você fez aí', publicou o filho 03 do presidente.

Após a postagem de Eduardo, Marcelo Freixo voltou a alfinetar o deputado e reiterou que enquanto ele "brinca de xeque, o povo brasileiro como lixo", acompanhado por um vídeo que mostra pessoas procurando restos de alimentos.

Comitiva a Dubai

Além de Eduardo Bolsonaro, a comitiva brasileira em Dubai tem o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) e outras 68 pessoas. De acordo com o Congresso em Foco, a foto do "03" da família Bolsonaro, juntamente com a esposa e a filha, custou R$ 955. A viagem de toda a comitiva pode sair a R$ 3,6 milhões.

"Se o deputado estivesse aqui só para tirar foto, estava tudo certo. O problema é que os contribuintes estão pagando pelo resto", declarou o colunista do UOL Michel Alcoforado.

De acordo com Alcoforado, o pavilhão do Brasil na Expo 2020, em Dubai, que custou cerca de 25 milhões de dólares ao país, "é coisa para inglês ver". Ele diz que outras nações estão aproveitando o espaço para se fortalecerem dentro do cenário global.

"Quando você entra no pavilhão brasileiro, você não descobre nada do Brasil, e quando descobre, o pouco de informação que tem por lá é uma informação que não condiz com o Brasil de 2021. Exaltam-se florestas, que a gente está destruindo, a belezas naturais, que a gente também vem tratando muito mal, os rios da Amazônia e os povos originários, que o governo Bolsonaro tem tido muito pouco cuidado", afirmou.

Política