PUBLICIDADE
Topo

Política

Eduardo Leite recebe apoio da Juventude do PSDB para as prévias

Leite recebeu o apoio da Juventude Nacional do PSDB na disputa das prévias - Bruno Santos/Folhapress
Leite recebeu o apoio da Juventude Nacional do PSDB na disputa das prévias Imagem: Bruno Santos/Folhapress

Nathan Lopes

Do UOL, em São Paulo

21/10/2021 11h08

A Juventude Nacional do PSDB declarou apoio ao governador gaúcho Eduardo Leite na disputa das prévias do partido para a escolha do candidato a presidente da República no ano que vem.

Em comunicado publicado ontem nas redes sociais, o grupo disse que Leite encabeçaria a candidatura "ideal" na busca por "um Brasil de mais oportunidades, no qual é possível ser transformado a partir da liderança de quem esteja afeito ao diálogo".

A manifestação foi publicada após o primeiro debate entre os presidenciáveis tucanos, realizado na última terça-feira (19). A decisão não tem a ver com o desempenho dos candidatos no debate, mas, sim, para evitar influenciá-lo, diz a direção do grupo.

O apoio, porém, não surpreende internamente porque a Juventude já vinha indicando estar mais próxima de Leite.

A Juventude ressalta que Leite foi "forjado no coração do PSDB" e é "possuidor do mais elevado espírito público". Não é feita nenhuma referência direta aos adversários de Leite na disputa: o governador paulista, João Doria, e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio.

A declaração da juventude nacional não significa que a faixa mais nova do PSDB apoiará leite em peso. O grupo paulista, por exemplo, apoia a candidatura de Doria.

Mas, em São Paulo, o governador paulista não tem conseguido o endosso de tucanos ligados ao ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB), que está de saída do partido. Nessa polarização entre Doria e Leite —Virgílio é visto como carta fora do baralho—, a Juventude nacional diz que, "não descartando que sendo o universo a harmonia entre contrários, cada um tem em si a liberdade do voto para o candidato das prévias escolher."

Divergências

Segundo a Juventude Nacional, oito grupos estaduais já apoiam Leite, cinco, Doria e um, Virgílio. Uma lista completa deverá ser divulgada nos próximos dias.

Segundo a presidente da Juventude do PSDB, Julia Jereissati, há casos de estados em que o diretório apoia um candidato e a juventude estadual, outra. Ela cita como exemplo o Pará, em que os jovens estão com Leite, mas o diretório, com Doria. "Acho que é mais questão de afinidade com a liderança. Acho que a juventude tem mais afinidade com Leite", diz Jereissati ao UOL.

Prima do senador Tasso Jereissati, que abriu mão de disputar as prévias para apoiar Leite, a presidente da Juventude diz que o suporte ao gaúcho não foi decidido em razão dessa conexão. "Foi decisão de grupo. E a gente foi cobrado pela militância por uma posição. Não teve a influência do senador, não."

Em um texto marcado pela ideia de transformação, o grupo diz que, "nós, a juventude, somos a mudança que procurávamos". "E com Eduardo Leite, acreditamos esperançosos neste porvir."

Para a Juventude do PSDB, "urge a necessidade pela qual ansiávamos de alguém que aliasse os mais caros predicados públicos para corresponder aos clamores dos brasileiros, hábil para derrotar a inflação, a fome e o desemprego reincidentes". "A construção de um novo tempo para o país passa por Eduardo Leite."

Jereissati diz que as divergências expostas pelas prévias não devem rachar o partido após a definição da candidatura. "Independente do resultado, acho que a Juventude vai estar unida."

Política