Conteúdo publicado há 7 meses

Após decisão de Toffoli, Moro exalta Lava Jato e diz que corrupção foi real

O senador Sergio Moro (União Brasil-PR) se manifestou hoje após a decisão do ministro do STF Dias Toffoli que invalidou provas da Lava Jato e considerou a prisão do presidente Lula (PT) como um erro histórico.

O que ele disse

"A corrupção nos governos do PT foi real, criminosos confessaram e mais de seis bilhões de reais foram recuperados para a Petrobras. Esse foi o trabalho da Lava Jato, dentro da lei, com as decisões confirmadas durante anos pelos Tribunais Superiores", escreveu o ex-juiz no X (antigo Twitter).

Moro disse ainda que as ações da Lava Jato têm o apoio da população. "Os brasileiros viram, apoiaram e conhecem a verdade. Respeitamos as instituições e toda a nossa ação foi legal."

Ele acrescentou que deve levar o tema para sua atuação no Senado. "Lutaremos, no Senado, pelo direito à verdade, pela integridade e pela democracia. Sempre!"

Prisão de Lula foi 'um dos maiores erros judiciários da história do país'

Toffoli publicou hoje uma decisão em que declara imprestáveis as provas obtidas a partir do acordo de leniência da Odebrecht

No documento, ele diz que a Lava Jato forjou provas e foi parcial com o "intuito de levar um líder político às grades"

Para ele, a prisão de Lula pode ser chamada de "um dos maiores erros judiciários da história do país".

Continua após a publicidade

Tratou-se de uma armação fruto de um projeto de poder de determinados agentes públicos em seu objetivo de conquista do Estado por meios aparentemente legais, mas com métodos e ações contra legem [contra a lei].
Dias Toffoli em decisão

Deixe seu comentário

Só para assinantes