PUBLICIDADE
Topo

Rio cria 'Disk Aglomeração' para combater disseminação do novo coronavírus

Prefeitura tenta evitar grandes grupos em locais; denúncias serão feitas por telefone - Mauro Pimentel/AFP
Prefeitura tenta evitar grandes grupos em locais; denúncias serão feitas por telefone Imagem: Mauro Pimentel/AFP

Do UOL, em São Paulo

30/03/2020 21h19

A Prefeitura do Rio de Janeiro lançou hoje um inusitado serviço no combate à disseminação do novo coronavírus na cidade: é o Disk Aglomeração, anunciado no Diário Oficial.

Coordenado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública, o serviço recebe denúncias de concentração de pessoas em estabelecimentos comerciais essenciais e em locais como praças e estações de ônibus. O cidadão pode encontrar em contato pelo telefone 1746.

Diante dos chamados, a Guarda Municipal é comunicada. A operação também conta com o apoio da Polícia Militar. Estabelecimentos que desrespeitarem normas de isolamento podem ser punidos.

"O gabinete de crise está trabalhando 24h por dia, monitorando todos os números e ações em tempo real. Mas precisamos muito do apoio da população, por isso criamos o 'Disk Aglomeração'. Assim, o cidadão que verificar grande concentração de pessoas pode ligar para o 1746", anunciou Gutemberg Fonseca, secretário de Ordem Pública do Rio.

"A informação chega imediatamente até a gente. Aí destacamos um grupamento até o local para verificar, por exemplo, se os serviços essenciais, como supermercado, loja de material de construção estão funcionando sem aglomerações. Agradeço ainda a parceria com o Governo do Estado por integrar policiais militares ao projeto", acrescentou.

Segundo dados do Governo do Rio de Janeiro, a capital do estado tem 553 casos confirmados da covid-19.

Coronavírus