PUBLICIDADE
Topo

Ministério da Saúde orienta sobre como produzir máscaras caseiras de pano

Criadora e CEO da Fundação "Ame seu vizinho", Haley usa uma máscara caseira e feita de pano como forma de proteção ao coronavírus - Genaro Molina/Los Angeles Times/Getty Images
Criadora e CEO da Fundação 'Ame seu vizinho', Haley usa uma máscara caseira e feita de pano como forma de proteção ao coronavírus Imagem: Genaro Molina/Los Angeles Times/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

02/04/2020 20h25

O Ministério da Saúde divulgou, na tarde de hoje, um passo a passo sobre como produzir uma máscara caseira de pano para proteção ao coronavírus. O uso de máscaras caseiras pela população vem sendo defendido pelo ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM) desde o início da semana; o intuito é que os equipamentos profissionais fiquem com trabalhadores da área da saúde.

"A confecção de máscaras caseiras tem se tornando um fenômeno mundial e qualquer cidadão pode fazer a sua em casa. Agora, o Ministério da Saúde do Brasil vai lançar uma campanha digital pela mobilização da população para fabricar as próprias máscaras de pano", diz a pasta em nota. "Além de eficiente, é um equipamento simples, que não exige grande complexidade na sua produção e pode ser um grande aliado no combate à propagação do coronavírus no Brasil, protegendo você e outras pessoas ao seu redor", acrescenta.

Mais cedo, o ministério já havia declarado que há estoque o suficiente de insumos pelos próximos 20 dias. A declaração da pasta veio no mesmo dia em que houve a divulgação de que a pasta estaria sem estoques de equipamentos de proteção individual, como máscaras e luvas, para distribuir a profissionais da área da saúde.

Também houve a explicação de que contratos do governo com empresas da China para adquirir os equipamentos foram desfeitos após os Estados Unidos adquirirem os mesmos itens.

"Desde o início da pandemia provocada pelo coronavírus, uma corrida mundial em busca de máscaras de proteção fez com que elas sumissem das prateleiras. O Ministério da Saúde está realizando compras de fornecedores nacionais e internacionais, em grandes quantidades, para garantir a proteção dos profissionais de saúde, que trabalham na assistência às pessoas doentes", diz a nota.

O próprio Mandetta citou, na entrevista coletiva desta tarde, o uso da máscara caseira ao longo da profissão como médico.

"Tenho 31 anos de formado (em medicina). Durante 20 anos da minha vida, abri tórax, coração, abdômen, tudo eu fiz usando gorro de pano, máscara de pano. Não sou de uma geração de produto descartável, médico 'raiz' mesmo", declarou.

Confira as medidas anunciadas pelo Ministério da Saúde para uso e produção da máscara de pano:

O que a máscara de pano precisa ter?

O ministério orienta que a máscara caseira tenha pelo menos duas camadas de pano e que seja de uso individual, ou seja, sem compartilhamento com outras pessoas. O molde deve cobrir totalmente boca e nariz, bem ajustada ao rosto e sem deixar espaços nas laterais.

pano - Divulgação/Ministério da Saúde - Divulgação/Ministério da Saúde
Molde disponibilizado pelo Ministério da Saúde para produção de máscara de pano
Imagem: Divulgação/Ministério da Saúde

Não há necessidade de se usar um tecido específico. Para a pasta, vale "qualquer pedaço de tecido", incluindo "camisa velha, calça antiga, cueca, cortina, o que for."

O tutorial também explica que a máscara deve ter elásticos ou tiras para amarrar acima das orelhas e abaixo da nuca.

Onde usar?

A orientação é que a máscara seja utilizada sempre que houver necessidade de sair de casa. A pessoa deve carregar sempre uma máscara reserva, guardada em uma sacola plástica ou higienizada.

"Nada de carregar no bolso", observou Mandetta. Ainda, a sacola pode guardar a máscara suja quando houver troca.

Higienização

As máscaras podem ser lavadas com água e sabão, água sanitária ou mesmo hipoclorito de sódio. Devem ser deixadas de molho por 20 minutos, segundo o ministério da Saúde, e deixadas para secar — o uso deve ser de máscaras completamente secas.

A orientação é de que as máscaras sejam utilizadas por cerca de duas horas, sendo necessária a troca após o período. O ideal, ainda de acordo com a pasta, é que cada pessoa tenha ao menos duas máscaras de pano.

Coronavírus