PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

São Bernardo do Campo tem 80% de UTIs para covid-19 ocupadas, diz prefeito

O prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando - Estadão Conteúdo
O prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando Imagem: Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

17/04/2020 09h00

O prefeito de São Bernardo do Campo (SP), Orlando Morando (PSDB), disse hoje, em entrevista à CNN Brasil, que cerca de 80% das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) reservadas para pacientes com covid-19 estão ocupadas na cidade.

Morando destacou que novos leitos serão disponibilizados gradualmente até maio, mas admitiu que a margem nos próximos dias é apertada.

"Nós reservamos leitos de UTI para a covid-19. Eu tinha 40, agora são 52. Ainda não estamos com estrangulamento, estamos com 80%. Se hoje precisar, temos disponibilidade, mas nossa margem está muito apertada. Dos 52 que elevamos, está oscilando, mas entre 35 e 38 estão permanentemente ocupados", disse.

Diante da situação, o prefeito ressaltou a importância de a população da cidade respeitar o isolamento social."Por isso nossa preocupação de não tirar do isolamento. Se crescer um pouquinho, pode ter um colapso", disse.

Orlando Morando destacou que duas obras estão em andamento e a expectativa é entregar, até o dia 15 de maio, 350 novos leitos, sendo 100 de UTI.

O prefeito ainda falou sobre a sua recuperação da doença. Ele ficou sete dias na UTI. "Passei o momento mais difícil da vida, situação agravada por falta de ar. Começou muito simples, mas teve um momento imaginei que não poderia voltar. Cada vez mais eu tenho que tratar com mais responsabilidade para que outras pessoas não passem por isso", disse.

Coronavírus