PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

São Paulo projeta até 18 mil mortes por covid-19 no fim de junho

Pessoas acompanham sepultamento no Cemitério de Vila Formosa, na Zona Leste de São Paulo - ANTONIO MOLINA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Pessoas acompanham sepultamento no Cemitério de Vila Formosa, na Zona Leste de São Paulo Imagem: ANTONIO MOLINA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo*

15/06/2020 14h00

O governo de São Paulo projeta que o estado pode ter entre 15 mil e 18 mil mortes registradas por covid-19 e até 270 mil casos da doença até o fim de junho. Os dados foram apresentados hoje pelo governo durante entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

Números atualizados hoje e divulgados pelo governo mostram que 10.767 pessoas morreram após contraírem a doença causada pelo novo coronavírus. Ao todo, 181.460 pessoas foram infectadas no estado desde o início da pandemia.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI no estado é de 70,8% - com 5.309 pacientes - e na região metropolitana da capital, de 77,8%.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Regional de São Paulo, Marco Vinholi, é preciso respeitar as medidas previstas no Plano São Paulo, que prevê a reabertura gradual da economia no estado.

"[Devemos] Seguir os protocolos adequados e analisar diariamente a evolução desses índices", afirmou.

Evolução no interior

O governo também divulgou os índices que apontam para uma evolução da pandemia no interior de São Paulo. No dia 14 de junho, o interior respondia por 27,02% dos casos totais no estado. O número chegou a ser de 10,75% na metade de abril.

*Com informações da Agência Estado.

Coronavírus