Conteúdo publicado há 23 dias

Brasil passa de 5 milhões de casos prováveis de dengue, com 2.800 mortes

O Brasil ultrapassou nesta segunda-feira (20) a marca de 5 milhões de casos prováveis de dengue em 2024. A informação é do Painel de Monitoramento das Arboviroses, do Ministério da Saúde.

O que aconteceu

São 5.100.766 casos prováveis da doença causada pelo Aedes aegypti. A maioria dos casos prováveis — 935.531 — está na faixa etária de 20 a 29 anos. As mulheres respondem por 55% dos registros, enquanto os homens representam 45%.

Ao todo, foram registradas 2.827 mortes registradas por dengue no ano. Outras 2.712 estão em investigação.

Minas Gerais é o estado com mais casos prováveis: 1.431.174. Em seguida, aparecem São Paulo (1.397.796), Paraná (535.433) e Santa Catarina (288.212).

Febre do Oropouche

Saúde fez alerta sobre disseminação da Febre do Oropouche. Até o dia 13 de março, segundo a pasta, o país contabilizava 5.102 casos da doença — número cinco vezes maior do que o registrado no ano passado (832). Para o governo, o principal motivo por trás do aumento no número de casos é a descentralização da distribuição dos testes para diagnóstico.

Sintomas são parecidos com os da dengue e da chikungunya. Os pacientes normalmente sentem dores de cabeça, muscular e nas articulações, além de náuseas e diarreia.

Maioria dos casos aconteceu no Amazonas (2.947) e em Rondônia (1.528). Outros 11 estados também registraram ocorrências da doença: Bahia, Acre, Espírito Santo, Pará, Rio, Piauí, Roraima, Santa Catarina, Amapá, Maranhão e Paraná.

(Com Estadão Conteúdo)

Deixe seu comentário

Só para assinantes