PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Brasil e Uruguai estabelecem fechamento da fronteira terrestre por 30 dias

O presidente Jair Bolsonaro em visita em fevereiro ao Uruguai para a cerimônia de posse do presidente do país, Lacalle Pou; - Mariana Greif/Reuters
O presidente Jair Bolsonaro em visita em fevereiro ao Uruguai para a cerimônia de posse do presidente do país, Lacalle Pou; Imagem: Mariana Greif/Reuters

23/03/2020 06h05

Os governos do Uruguai e do Brasil concordaram em fechar a fronteira terrestre comum a partir de domingo e por pelo menos 20 dias, anunciou o chanceler uruguaio Ernesto Talvi.

"O Brasil acaba de emitir um decreto, que é o que concordamos de maneira consensual, e emitiremos um decreto-espelho nas próximas horas", disse o ministro à imprensa na noite de domingo.

De acordo com a resolução brasileira já publicada no Diário Oficial pelo governo de Jair Bolsonaro, somente podem entrar a partir do Uruguai neste país seus cidadãos ou residentes, assim como uruguaios que tenham cônjuges ou filhos brasileiros.

O transporte de carga poderá seguir transitando nas duas direções e a medita também permite a livre circulação daqueles que residem nas cidades limítrofes.

O decreto uruguaio, ainda não publicado, seguirá no mesmo sentido.

"O excepcional é o regime para os que vivem em cidades de fronteira: se puderem provar que este é o caso, com qualquer certificado que comprove residência, eles poderão coexistir e conviver na cidade como fazem habitualmente", disse Talvi.

"Temos uma fronteira muito longa e onde coexistem brasileiros e uruguaios em cidades que são binacionais, são uma mesma cidade", completou.

Coronavírus