PUBLICIDADE
Topo

China não registra contágios locais, mas aumenta número de infecções procedentes do exterior

Chineses usam máscara de proteção em passeio a shoppingm em Pequim, na China - NICOLAS ASFOURI / AFP
Chineses usam máscara de proteção em passeio a shoppingm em Pequim, na China Imagem: NICOLAS ASFOURI / AFP

23/03/2020 06h02

A China anunciou hoje que não registrou novos casos locais de contágio com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, mas constatou 39 infecções procedentes do exterior.

A Comissão Nacional de Saúde anunciou nove mortes, todas na cidade de Wuhan, onde o vírus foi identificado no fim do ano passado.

Dois meses depois de a China adotar medidas dramáticas para manter em quarentena quase 56 milhões de pessoas em Wuhan e na província de Hubei, as infecções registraram uma queda drástica e durante cinco dias consecutivos não foram anunciados novos casos na província.

As restrições de viagem e trabalho na província foram gradualmente aliviadas e o presidente chinês, Xi Jinping, visitou Wuhan no início do mês.

À medida que a taxa de infecção cai na China, o resto do mundo intensifica as medidas para tentar combater a pandemia.

A China está preocupada atualmente com o fluxo de infecções importadas de outros países. O número deste tipo de caso aumentou constantemente nas últimas semanas e passou de 350.

Muitas cidades estabeleceram normas estritas para colocar em quarentena os recém-chegados. As autoridades do setor de aviação anunciaram no domingo que desviarão todos os voos internacionais com destino a Pequim para outras cidades, onde os passageiros serão submetidos a exames.

A China registrou mais de 81.000 casos de contaminação e o número de mortes supera 3.270.

A pandemia provocou mais 14.400 mortes no planeta.

Coronavírus