PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
15 dias

Mancha de petróleo é detectada onde submarino indonésio desapareceu

O submarino KRI Nanggala-402, desparecido nas águas da região de Bali - Alex Widojo/Anadolu Agency/Getty Images
O submarino KRI Nanggala-402, desparecido nas águas da região de Bali Imagem: Alex Widojo/Anadolu Agency/Getty Images

21/04/2021 12h10

Um vazamento de petróleo foi detectado na área onde a Marinha da Indonésia perdeu contato com um submarino com 53 homens a bordo na costa do Bali, informou hoje o ministério da Defesa local.

"Cerca da 07h da manhã, o monitoramento realizado por um helicóptero descobriu um vazamento de petróleo na posição onde o submarino desapareceu", disse o ministério em um comunicado.

A Marinha indonésia informou anteriormente que estava procurando um submarino de sua frota com o qual havia perdido contato nesta quarta-feira pela manhã depois de realizar exercícios na costa do Bali.

Jacarta enviou navios de guerra à região, disse o comandante das forças armadas indonésias Hadi Tjahjanto à AFP.

O submarino "se encontra a uma profundidade de 700 metros" ao norte da ilha de Bali "com 53 tripulantes a bordo", afirmou.

"O submarino 'KRI Nanggala 402' não restabeleceu contato com sua base inicial, às 03h00 locais (16h00 de terça, no horário de Brasília)", destacou o comodoro (primeiro almirante) Julius Widjojono, porta-voz da Marinha.

A Marinha indonésia "realiza atualmente tarefas de busca (...). Conhecemos a área, mas é muito profunda", acrescentou.

As autoridades pediram ajuda à Singapura e Austrália para essas tarefas, segundo a fonte.

O submarino, armado na Alemanha, iria participar de manobras que incluiam lançamento de torpedos.

A Marinha da Indonésia possui uma frota de cinco submarinos, construídos na Alemanha e Coreia do Sul.

O "KRI Nanggala 402" foi lançado em 1978, segundo um site do governo e posteriormente sofreu alterações para modernizá-lo.

Internacional