PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Holanda teme um aumento do nível do mar maior do que o previsto

Com cerca de um terço de seu território abaixo do nível do mar, a Holanda é particularmente vulnerável ao aquecimento global - Adrien Olichon/Unsplash
Com cerca de um terço de seu território abaixo do nível do mar, a Holanda é particularmente vulnerável ao aquecimento global Imagem: Adrien Olichon/Unsplash

25/10/2021 14h05Atualizada em 25/10/2021 14h25

O nível do mar pode subir muito mais do que o esperado na costa holandesa, até dois metros até 2100, indicou nesta segunda-feira (25) o Instituto Meteorológico da Holanda (KNMI).

"As projeções atuais mostram um aumento do nível do mar maior do que o anterior", disse o KNMI, poucos dias antes do início da COP26 em Glasgow, Escócia.

Com cerca de um terço de seu território abaixo do nível do mar, a Holanda é particularmente vulnerável ao aquecimento global, mas também é um dos maiores poluidores "per capita" da Europa.

"Se não reduzirmos as emissões de gases de efeito estufa, o nível do mar na costa holandesa pode subir 1,2 metros até 2100, em comparação com o início do século atual", e até 2 metros se o degelo das calotas polares se acelerar, acrescentou o KNMI.

Anteriormente, o instituto previa que a elevação do nível do mar seria de no máximo um metro. Pela primeira vez, a barra de 2 metros não foi excluída dessas previsões, enfatizou a Autoridade de Águas Holandesa, um país afetado pelas enchentes em julho passado.

Com seus reservatórios e barreiras contra tempestades, inovação constante e milhares de km de diques e dunas, a Holanda se orgulha de ser "o delta mais seguro do mundo".

Internacional