Conteúdo publicado há 6 meses

Chuva em Santa Catarina alaga estacionamento e deixa ao menos 7 Ferraris ilhadas

Aos menos sete Ferraris ficaram ilhadas durante as fortes chuvas que alagaram o estacionamento de uma pousada na cidade de Urubici, na Serra de Santa Catarina, neste sábado, 7. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram os veículos de luxo com água até a altura da porta, enquanto um outro automóvel da marca é puxado por um trator.

Urubici recebia o Ferrari Owner's Club Stradalle 2023, evento que reúne proprietários de modelos do carro italiano de luxo no País. Por causa das fortes chuvas, o encontro foi cancelado. Segundo os organizadores e a prefeitura, nenhum carro foi danificado. "Apesar da enchente de cortar cortar o coração, não houve danos às nossas macchinas (sic)", diz comunicado publicado pela associação.

Em Urubici foi montado um abrigo para receber 35 pessoas que precisaram ser retiradas de suas casas. Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Força Aérea estão atuando em conjunto com a Secretaria de Obras do município para monitorar os locais e atender as ocorrências.

O temporal que atinge Santa Catarina desde o início da semana continua neste sábado, 7. Segundo o balanço mais atualizado divulgado pelo governo estadual nesta manhã, 78 cidades já foram atingidas por chuvas intensas, alagamentos, deslizamentos e granizo; 31 estão em situação de emergência.

Segundo a Defesa Civil do Estado, a previsão é de que a chuva intensa continue pelo menos até o domingo, 8, e comece a dar trégua no início da próxima semana. O volume de água previsto pode chegar aos 200 milímetros, com risco alto a muito alto para ocorrências como deslizamentos, enxurradas e inundações graduais.

"As previsões são preocupantes em relação à quantidade de chuva para o fim de semana e estamos nos preparando para enfrentar esse desafio", disse o governador Jorginho Mello (PL), em coletiva de imprensa realizada na noite da última sexta-feira. "Toda ajuda é necessária nesse momento."

Segundo este último balanço, 2.573 pessoas estão desalojadas ou desabrigadas em todo o Estado. Desde a última quinta-feira, o Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cigerd) opera em nível 02 - laranja, o segundo mais alto na classificação de emergências meteorológicas.

"Se estiver em local de risco, com iminência de enchente, pegue os documentos e o que for realmente necessário. E procure um lugar mais seguro. Nesse momento, temos que prezar pela segurança das pessoas", afirmou o governador. "Sabemos o quanto é difícil deixar sua casa, buscar outro lugar para se abrigar. Mas é preciso proteger nosso bem maior, a vida."

Pelo menos dez rodovias em todo o Estado estão parcialmente ou totalmente interditadas, devido à queda de barragens e erosão das pistas. Agentes da Defesa Civil, das Polícias Militar, Civil e Científica e do Exército estão operando para conter os danos do temporal em Santa Catarina.

Continua após a publicidade

Veja abaixo a lista de municípios que declararam situação de emergência em Santa Catarina:

  • Agronômica
  • Araquari
  • Lebon Régis
  • Jaborá
  • Rio do Sul
  • Aurora
  • Rio do Oeste
  • Laurentino
  • Rio Negrinho
  • Campo Alegre
  • São Bento do Sul
  • Ibiam
  • Campos Novos
  • Frei Rogério
  • Monte Carlo
  • Brunópolis
  • Curitibanos
  • Corupá
  • Presidente Getúlio
  • Itaiópolis
  • Canoinhas
  • Papanduva
  • Mafra
  • Tangará
  • Vargem
  • Mirim Doce
  • Três Barras
  • Bela Vista do Toldo
  • Itaiópolis
  • São Cristóvão do Sul
  • Erval Velho

Deixe seu comentário

Só para assinantes