PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Itália nomeia ícone da comédia erótica para comitê da Unesco

28/01/2019 13h47

ROMA, 28 JAN (ANSA) - O governo da Itália nomeou Lino Banfi, ator conhecido por suas comédias eróticas dos anos 1970 e 1980, como membro da Comissão Nacional Italiana para a Unesco, órgão responsável pela indicação de lugares a patrimônios da humanidade.   

A decisão é bancada pelo vice-primeiro-ministro Luigi Di Maio, líder do antissistema Movimento 5 Estrelas (M5S). "Damos à Itália uma notícia que me enche de orgulho: como governo, nomeamos o mestre Lino Banfi, que representará a Itália na Comissão Italiana para a Unesco", anunciou Di Maio em um comício na semana passada.   

Ao comentar o convite, Banfi, 82 anos, disse que a comissão sempre foi formada por pessoas "multidiplomadas" e com conhecimentos superiores aos seus, mas que levará "um sorriso" para o comitê.   

O ator ficou famoso nas décadas de 1970 e 1980 por seus filmes cômicos e comédias eróticas e entrará na vaga deixada pelo documentarista e escritor Folco Quilici, que morreu em fevereiro de 2018.   

O outro vice-premier italiano, Matteo Salvini, da Liga, disse que "gostava muito" de Banfi "como ator", mas ressaltou que preferia a indicação do tenor Andrea Bocelli.   

Já o ex-ministro do Desenvolvimento Econômico Carlo Calenda, expoente da oposição, afirmou que a nomeação de Banfi é uma mensagem contra as pessoas com ampla formação. "É algo grave, estamos em um país no qual metade das pessoas não lê um livro e não vai no museu", declarou. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional