Topo

Foto de pai e filha afogados a caminho dos EUA gera comoção

2019-06-26T09:10:00

26/06/2019 09h10

ROMA E WASHINGTON, 26 JUN (ANSA) - A imagem de um migrante salvadorenho e sua filha de dois anos, que morreram afogados enquanto atravessavam um rio na tentativa de chegar aos Estados Unidos, tem gerado comoção mundial desde a noite desta terça-feira(25).   

Os dois foram localizados na última segunda-feira (24) no rio Bravo na cidade de Matamoros, no estado mexicano de Tamaulipas. A imagem mostra a menina por dentro da camisa do pai apoiando o braço em seu pescoço.   

Segundo as autoridades, o homem foi identificado como Óscar Martínez Ramírez, de 25 anos, e sua filha, Valéria. Com 21 anos, a mãe da criança chegou a tentar fazer a travessia, mas desistiu junto com um amigo da família. Hoje, o papa Francisco parabenizou a solidariedade dos mexicanos com os migrantes, um dia depois da divulgação da fotografia. "Quero felicitar os mexicanos, porque são tão acolhedores com os migrantes. Que Deus vos pague", disse o Pontífice durante audiência na Praça São Pedro. Segundo o porta-voz interino da Santa Sé, Alessandro Gisotti, Francisco "viu, com imensa tristeza, a imagem do pai e de sua filha afogados no Rio Grande, enquanto tentavam cruzar a fronteira entre o México e os Estados Unidos".   

O líder da Igreja Católica "reza por eles e por todos os imigrantes que perderam a vida, tentando escapar da guerra e da miséria".   

Em setembro de 2015, a foto do menino sírio Alan Kurdi, morto em uma praia da Turquia, enquanto tentava fugir da Síria, também mostrou o drama de milhares de imigrantes pelo mundo. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Mais Internacional