PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Após acordo de paz, Farc começam a entregar explosivos à ONU

Presidente da Colômbia e líder das Farc, apertam as mãos após assinatura do acordo de paz - Luis Acosta/AFP
Presidente da Colômbia e líder das Farc, apertam as mãos após assinatura do acordo de paz Imagem: Luis Acosta/AFP

Em Bogotá

29/09/2016 23h40

O Alto Comissariado para a Paz da Colômbia, Sergio Jaramillo, confirmou nesta quinta-feira (29) que as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) começaram a entregar explosivos à missão especial da ONU como foi estipulado nas negociações de paz. 

"Tudo isto já começou, isso vai acontecer, e os responsáveis por informar, que são a missão política especial das nações unidas, vai fazê-lo", disse. O comissário não deu detalhes sobre os explosivos entregues, mas a imprensa local informou que as Farc haviam previsto dinamite, pavios, explosivos do tipo ANFO e granadas, entre outros.

Governo e as Farc firmam paz após 52 anos de conflito

AFP

Na segunda-feira passada, o governo colombiano e as Farc assinaram um acordo de paz que põe fim a mais de meio século de conflito armado. No entanto, este está condicionado a sua aprovação por consulta popular em plebiscito que será realizado no dia 2 de outubro.

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, anunciou na segunda-feira que, com a assinatura da paz, se ativou a missão política especial desse organismo para o monitoração e verificação do cessar-fogo e a entrega de armas por parte da guerrilha.

Mulheres das Farc apresentam a moda guerrilheira

AFP

Internacional