De la Calle lamenta não ter fechado aliança com Fajardo na Colômbia

Bogotá, 27 mai (EFE).- O candidato liberal Humberto de La Calle lamentou neste domingo não ter concretizado uma aliança com o candidato da Coalición Colombia, Sergio Fajardo, que lhe teria permitido avançar para o segundo turno das eleições presidenciais colombianas e qualificou esta situação como o "ponto de virada" da campanha.

"Ratifico a minha admiração por Sergio Fajardo, lamento que quando era legalmente possível, o meu convite persistente para formar uma aliança não teve sucesso, apesar de tudo demonstrar e mostra que poderia ter sido vencedor", afirmou De la Calle.

Nas eleições deste domingo Iván Duque, do partido uribista Centro Democrático, venceu com 39,15% dos votos, e medirá forças no segundo turno em 17 de junho com o esquerdista Gustavo Petro, do movimento Colmbia Humana, que ficou com 25,09%.

Fajardo ficou em terceiro e quase foi para o segundo turno com 23,74%, enquanto De la Calle teve 2,06%, resultados que mostram que se tivessem se unido, teriam ficado em segundo lugar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos