PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
2 meses

Satélite mostra rastro de destruição da lava de vulcão em La Palma

Imagem feita por satélite ontem mostra o avanço da lava do vulcão na ilha de La Palma, na Espanha - Sistema de monitoramento por satélite Copérnico
Imagem feita por satélite ontem mostra o avanço da lava do vulcão na ilha de La Palma, na Espanha Imagem: Sistema de monitoramento por satélite Copérnico

30/09/2021 14h32

A lava emitida pelo vulcão Cumbre Vieja, na ilha de La Palma, na Espanha, cobriu 338,3 hectares, incluindo a superfície que ganhou o mar nos últimos dias, aponta boletim emitido na noite de ontem pelo sistema de monitoramento por satélite Copérnico.

Uma imagem divulgada pelo centro mostrou o rastro de destruição deixado pelo vulcão na ilha. O vulcão entrou em erupção no dia 19 de setembro.

De acordo com a observação mais recente, as edificações afetadas pelo magma chegaram a 855. Além disso, são 29,8 quilômetros de estradas atingidas, sendo que 27,4 foram totalmente destruídas.

Além disso, o Copérnico indicou que superfície ocupada pelas cinzas que foram expelidas de estendem por 1.752,8 hectares.

A atualização das informações do sistema de monitoramento por satélite é referente a ontem, às 8h36, cerda de 12 horas depois que a lava começou a formar um delta na região de Los Guirres e chegou ao mar.

Internacional