Obama reage a crítica dizendo que Trump não está apto para a Presidência dos EUA

Em Vientiane (Laos)

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reagiu nesta quinta-feira (8) às críticas de Donald Trump a suas ações na política externa dizendo que o candidato presidencial republicano não está apto para sucedê-lo na Casa Brança e que o público deveria pressioná-lo por causa de suas "ideias completamente doidas".

Discursando no Laos ao final da segunda de duas cúpulas asiáticas, Obama disse que a falta de credenciais do magnata como líder fica explícita todas as vezes em que ele fala e que os eleitores norte-americanos estão cientes disso.

Não acho que o sujeito tenha qualificação para ser presidente dos Estados Unidos, e toda vez que ele fala essa opinião é confirmada" Barack Obama em uma entrevista à imprensa

"A coisa mais importante para o público e a imprensa é simplesmente ouvir o que ele diz e ir adiante e fazer perguntas sobre o que parecem ser ideias contraditórias, mal informadas ou completamente doidas".

Na quarta-feira, durante um fórum televisionado assistido por militares veteranos, Trump declarou que o presidente russo, Vladimir Putin, tem sido um líder melhor do que Obama.

Trump disse que o progresso dos generais militares dos EUA tem sido bloqueado, ou "reduzido a escombros", com Obama como comandante-chefe e a candidata presidencial democrata Hillary Clinton como sua primeira secretária de Estado. Foi a primeira vez que Trump e Hillary mediram forças no mesmo palco desde que tiveram suas candidaturas oficializadas por seus partidos em julho. (Por Roberta Rampton)

"Putin é muito mais líder que Obama", diz Trump

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos