Atirador mata 20 crianças e 6 adultos em escola primária nos EUA; criminoso está morto

Do UOL, em São Paulo

  • Shannon Hicks/Newtown Bee/AP

    Policiais do Estado de Connecticut (EUA) levam crianças em fila após um atirador disparar

    Policiais do Estado de Connecticut (EUA) levam crianças em fila após um atirador disparar

A polícia de Newtown, no Estado americano de Connecticut, informou que o atirador que disparou contra crianças em uma escola primária da cidade morreu no local, nesta sexta-feira (14). Também foi confirmada a morte de 20 crianças e 6 adultos, o que totaliza 27 mortos. Este seria o segundo maior massacre da história dos EUA, atrás do atentado que matou 32 pessoas na universidade Virginia Tech em 2007.

A polícia nos levou para fora da escola e disse para ficarmos de mãos dadas e de olhos fechados

Vanessa Bajraliu, 9 anos

Ryan Lanza, de 24 anos, foi primeiramente identificado como sendo o atirador. Entretanto, uma fonte oficial teria corrigido a informação e dito que o atirador era seu irmão mais novo, Adam, de 20 anos, segundo a imprensa americana. Ryan mora em Hoboken, em Nova Jersey, e foi interrogado no Estado, sem ser suspeito do crime. A polícia diz oficialmente que só irá confirmar a identidade do assassino neste sábado (15).

O atirador entrou na escola com pelo três armas, que já foram recolhidas pelos policiais. O alvo do atirador seria a classe em que sua mãe lecionava na escola; ela está entre os mortos. As armas estariam no nome da mãe, Nancy.

A imprensa americana já diz que o atirador se suicidou, mas a polícia também não confirma esta informação.

Dezoito crianças teriam morrido na escola e duas no hospital. A maioria delas seria da classe em que Nancy dava aula. Alunos de outra classe também estão entre as vítimas.

Em pronunciamento oficial, um porta-voz disse que o governador de Connecticut, Dannel Patrick Malloy, está horrorizado e prestando apoio às famílias das vítimas. Ele também disse que estão trabalhando, junto com a polícia, para reunir informações sobre o que aconteceu o mais rápido possível e que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, já ligou para o governador e enviou suas condolências.

Entre as vítimas adultas, estariam a diretora e uma psicóloga da escola. Um dos socorristas disse que uma professora ficou ferida e foi levada ao hospital Danbury. Não foram divulgadas informações sobre o seu estado de saúde.

 A vice-diretora da escola foi atingida por tiros no pé e na perna. O número total de feridos ainda não foi divulgado pela polícia. 

Tiroteio em escola nos EUA mobiliza policiais

Depoimentos

A estudante Alexis Wasik, 8, disse à WTNH, afiliada da CNN, que estava assistindo a aula quando reparou que havia vários policiais cercando a escola. "Nós ouvimos os policiais no telhado e subindo os muros". 

"Nós tivemos que sair com uma dupla", disse Wasik. Ainda segundo as crianças, havia muitos pedaços de vidro espalhados pelo chão e mais de 100 disparos foram efetuados.

"Foi um susto. Recebi uma ligação no trabalho. Isso nunca aconteceu na cidade", disse o pai da garota em entrevista à CNN.

A primeira ligação para o serviço de emergência foi feita às 9h41 (horário local). 

A escola Sandy Hook Elementary fica em uma área residencial, a cerca de 90 minutos de Nova York e tem 650 alunos, do jardim de infância até a quarta série, com idades que variam de 5 a 10 anos, e 39 professores.

As demais escolas da região foram imediatamente fechadas após a notícia do ataque.

No site da instituição, um recado avisa que as atividades da tarde no jardim de infância foram canceladas para hoje.

Newtown é uma cidade com uma população de aproximadamente 27 mil pessoas e fica no condado de Fairfield, no norte do Estado de Connecticut, a cerca de 70 km a sudoeste da capital Hartford e a 130 km a nordeste de Nova York.

Os Estados Unidos já tiveram uma série de tiroteios em locais públicos este ano. No mais recente, um atirador abriu fogo em um shopping no Estado do Oregon, matou duas pessoas e depois se suicidou, na terça (11).

Em julho passado, em uma sessão da meia-noite de um filme de Batman, no Colorado, que matou 12 pessoas. (Com agências internacionais)

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos