PUBLICIDADE
Topo

Chico Alves

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Cidadania e PSOL vão ao STF contra 'orçamento secreto' do governo federal

Senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) - Divulgação
Senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) Imagem: Divulgação
Chico Alves

Chico Alves é jornalista, por duas vezes ganhou o Prêmio Embratel de Jornalismo e foi menção honrosa no Prêmio Vladimir Herzog. Foi editor-assistente na revista ISTOÉ e editor-chefe do jornal O DIA. É co-autor do livro 'Paraíso Armado', sobre a crise na Segurança Pública no Rio, em parceria com Aziz Filho.

Colunista do UOL

06/06/2021 21h42

Os partidos Cidadania e PSOL vão entrar amanhã com Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender a execução das emendas do chamado orçamento secreto, recursos destinados pelo presidente Jair Bolsonaro para garantir base de apoio no Congresso. O objetivo é paralisar os repasses.

"A execução orçamentária tem que respeitar a máxima transparência para que o dinheiro seja aplicado efetivamente onde é necessário, evitando desperdício e corrupção", afirmou o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

A manobra foi revelada pelo jornal 'O Estado de São Paulo' e mostrou que a aplicação de parte do orçamento deixou de ser controlada pelo Executivo e passou a favorecer políticos, estados e municípios sem nenhum controle efetivo, desrespeitando princípios básicos da gestão pública, como o da impessoalidade e da eficiência.

O Cidadania e o PSOL apontam inconstitucionalidade na utilização de verbas reunidas por emenda de relator-geral.