PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Após decreto, Globo dispensa repórter do Rio de usar máscara ao ar livre

A apresentadora Mariana Gross avisa que o uso de máscaras está dispensado para repórteres da Globo no Rio - Reprodução
A apresentadora Mariana Gross avisa que o uso de máscaras está dispensado para repórteres da Globo no Rio Imagem: Reprodução
Conteúdo exclusivo para assinantes
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

28/10/2021 13h03Atualizada em 28/10/2021 22h27

Espectadores do "RJ1", telejornal local da Globo no Rio, foram surpreendidos nesta quinta-feira (28) com a imagem de repórteres sem máscara. É a primeira vez que isso ocorre desde maio de 2020, quando a emissora tornou obrigatório o uso de máscaras de todos os profissionais durante o serviço.

A decisão da Globo de liberar o uso de máscara por parte dos repórteres ocorre 24 horas depois de o prefeito do Rio, Eduardo Paes, publicar decreto estabelecendo que o uso de máscaras ao ar livre não é mais obrigatório na cidade. O SBT tomou atitude idêntica no Rio nesta quinta-feira.

O decreto, publicado na quarta-feira (27), também prevê a liberação em locais com pista de dança, nos quais a capacidade de público seja de até 50%. Em demais locais fechados, porém, segue valendo a obrigatoriedade. A mudança foi anunciada em transmissão ao vivo com a presença do secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, que lembrou a necessidade de pessoas com sintomas gripais continuarem usando a proteção.

O RJ1 explicou que a medida só vale na capital (foi lembrado que em Niterói, por exemplo, ainda é obrigatório o uso máscaras).