Mulher some por 18 meses, mas é encontrada ao procurar médico: "Aliviado", diz irmão

Fabiana Marchezi

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/Facebook

    Após sumir, Heloísa Arruda era procurada pelos seus familiares desde agosto de 2016

    Após sumir, Heloísa Arruda era procurada pelos seus familiares desde agosto de 2016

A Polícia Civil de São Paulo registrou o reaparecimento de uma funcionária pública de Sorocaba (a 99 quilômetros de São Paulo) que estava sumida desde agosto de 2016. Heloísa Eugênia Alves de Arruda, 30, foi localizada no dia 9 de fevereiro ao tentar desbloquear o RG para conseguir atendimento médico pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com a polícia em relato ao UOL, a mulher explicou no Boletim de Ocorrência que abandonou e deixou de se comunicar com a família por vontade própria. Segundo as autoridades, ela não informou o motivo para tal decisão. Ela também disse que não sofreu nenhuma violência neste período em que ficou sem comunicação com os familiares.

A família de Heloísa, logo após seu sumiço, registrou boletim na Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Sorocaba. Junto a amigos, iniciou uma campanha na internet com o objetivo de encontrá-la. A mulher havia sido vista pela última vez no dia 1º de agosto de 2016, quando saiu da casa da família, na Vila Santana, para trabalhar.

Leia também

Apesar de não entender a atitude de Heloísa, a família recebeu a notícia com muita alegria. "Ficamos muito aliviados e felizes. Foram 18 meses de incertezas, de sofrimento por não saber o que havia acontecido", disse o irmão dela, Diego Alexandre Alves de Arruda, ao UOL.

Reprodução/Facebook
Irmão publicou arte nas redes sociais em que comunicava localização de Heloísa

Arruda diz ter esperança em reencontrar a irmã em breve, mas respeita a decisão da familiar que ainda está fora de casa. "Não entendemos o que a levou a fazer isso, estamos sofrendo com a decisão dela, mas respeitamos e estaremos aqui para quando ela decidir nos procurar. O importante é sabermos que ela está viva e bem. Temos esperança de reencontrá-la em breve", ressaltou.

Assim que a família foi informada pelo Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) sobre a localização da jovem, o irmão dela publicou um comunicado em seu perfil no Facebook agradecendo o apoio recebido de amigos e dos policiais que acompanharam o caso durante este período.

"Prezados amigos, boa noite. Hoje é dia de comemoração para minha família. Quero comunicar o encontro da minha irmã Heloísa. Agradeço primeiramente a Deus e aos nossos anjos da guarda, a todos que oraram, compartilharam e torceram por nós. Agradeço também a DIG Sorocaba e ao DHPP de São Paulo pelo serviço e apoio prestado. Na graça de Deus, minha irmã passa e está bem".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos