Topo

Sobe para dois o número de mortos em desabamento de prédio em Fortaleza

Nathan Lopes

Do UOL, em São Paulo

16/10/2019 08h20Atualizada em 16/10/2019 10h44

Resumo da notícia

  • Os bombeiros confirmaram a morte de uma mulher no desabamento no edifício
  • Além dela, um homem de 30 anos faleceu em decorrência da queda do prédio
  • Estrutura de 7 andares desabou no final da manhã de ontem em Fortaleza
  • Bombeiros atuam nesta manhã nas buscas por desaparecidos

Subiu para dois o número de mortos no desabamento de um prédio em Fortaleza. A informação foi confirmada na manhã de hoje pelo Corpo de Bombeiros do Ceará. Segundo a instituição, até o momento, nove pessoas foram resgatadas com vida e outras nove estão desaparecidas.

O segundo corpo é de uma mulher. Os bombeiros ainda não têm detalhes a respeito da vítima. O corpo está nos escombros.

Ontem à noite, os bombeiros confirmaram a primeira morte após uma confusão de versões sobre o número de vítimas.

O corpo de Frederick Santana dos Santos, 30, foi resgatado dos escombros. Ele trabalhava como entregador de água e estava no mercado vizinho que foi atingido com a queda do prédio.

Buscas continuam

Segundo o coronel Luís Eduardo Soares de Holanda, comandante-geral do Corpo de Bombeiros, as equipes de buscas continuam nos locais em que cães farejadores indicaram como sendo pontos em que há vítimas.

Nesta quarta, o dia registra chuva leve na capital cearense. De acordo com o coronel, isso não atrapalha nas ações de busca. "A gente só para a operação quando todas as vítimas forem resgatadas".

Nesse momento, as equipes de resgate atuam utilizando equipamentos de baixa impacto. O comandante-geral diz que o uso de maquinário pesado poderia levar instabilidade ao local. "E, consequentemente, diminuir a possibilidade de a gente resgatar as pessoas", pontuou o coronel Holanda.

Algumas das nove pessoas resgatadas com vida estão no IJF (Instituto José Frota). Cleide Maria da Cruz Carvalho, de 60 anos, e Gilson Moreira Gomes, 53, passaram por cirurgia. Maria Antônia Peixoto, 72, foi transferida para um hospital privado a pedido da família.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Cotidiano